Profile | Facebook | Videos | Fotos | Portofolio | Ebay | Leilões.net | email |

Já dizia Soren Kiekegaard:
"Arriscar-se é perder o pé por algum tempo. Não se arriscar é perder a vida..."

É ao pensar nesta frase que eu perco o medo de amar, porque mais do que dúvidas aquilo que me perturba é o medo de sofrer, ou em algum momento, o medo de ser amado e não ter a capacidade de amar... Mas sem experimentar não há como acabar com as dúvidas...

De nada me vale refugiar-me numa couraça, de nada vale não sentir as emoções, porque a vida quer se queira quer não, será sempre um risco... não há como o evitar. Se conseguir pensar assim vou-me tornar mais disponível para amar, sem medos, e esquecer os possíveis sofrimentos que possa ter sentido no passado, porque esse mesmo passado vai-me servir de bagagem para não ser tão inocente... para ser mais maduro, e mais experiente.

Tenho que encarar o medo de me entregar e de poder eventualmente sofrer, como uma fantasia que me habita o imaginário, porque tudo isso está no futuro, e eu por muito que queira não tenho a capacidade para adivinhar o futuro. Por isso não vou desistir de mim mesmo, não vou desistir do que desejo, não vou desistir dos meus sonhos...

17 Comments:

  1. BlueShell said...
    Se não sentimos, se nos esquivamos com receio disto ou daquilo...simplesmente não vivemos. Álvaro de Campos dizia qualquer coisa como (não sei de cor) ...os anos não se contam pelo número de dias que passam mas pela quantidade de emoções/ sentimentos que se experienciam.
    E concordo com ele. Podemos sair feridos uma e outra vez...mas isso é assim mesmo...é a essência da Vida!

    Um beijo azulado da concha
    BShell
    Erotic Spirit said...
    do like this post alot. It reminds me to constantly c beyond my very own ideas... people have baggages and sometimes that's overlooked

    :)
    Maria, Simplesmente said...
    Tens razão, sim senhor, só tem meddo de amar quem tem medo de perder o pé.
    Quem gosta de viver arrisca "amar" e normalmente as pessoas que gostam de viver gostam das emoções que o amor e a própria vida lhes reserva, e por vezes conscientemente deixam-se envolver nessas emoções.
    Há amores que fazem sofrer, outros não, mas serão aqueles que fazem sofrer os que mais prendem quem gosta de viver?... Não sei não!
    Penso que, o que amar tem de melhor é sentir o coração bater desordenadamente, a adrenalina que nos invade até quase nos tirar a lucidez...!
    Mas isto não acontece muitas vezes, porque há também os amores calculistas, bem dominados, vividos com calma, cheios de interesses...! Esses servem-nos e não causam mossa.
    Talvez estes últimos sejam os melhores. Mas são vazios de sentimentos.
    Continua a amar, tanto quanto te for possível, e não penses muito no depois...
    Bom fim de semana
    Maria
    Dri Viaro said...
    Passei pra conhecer seu blog, e desejar bom fim de semana
    bjs

    aguardo sua visita :)
    Fa menor said...
    Que o medo de amar nunca tolha ninguém!

    Já dizia alguém:"Quem se arrisca a amar arrisca-se a padecer." Isto é certo. Mas o amor é o mais belo e nobre sentimento do mundo, o único que nos faz grandes!

    Bom fim de semana

    Beijos
    T I N I N said...
    Suas palavras me cairam como uma luva...ou foi como um tapa de luva?
    Estou completamente incrédula, incapaz de amar, pois não acredito mais...
    Acho que só uns anos de terapia para a cura da TININ, Hahajhahaha
    Amor pra mim virou sinonimo de sofrimento...
    É isto.
    Beijo
    T I N I N
    ▒▓█► JOTA ENE said...
    ººº
    Amigo ART,

    Contrariamente ao que diz a TININ, eu nesta altura da minha vida, tenho é medo de amar.

    Sim, o meu coração hoje é mais frio que há 20 anos atrás e ainda bem.

    Só um conselho amigo, se estás na fase das (in)decisões, não te apaixones pela 1ª que aparece. Curte, f***, mas entregar-te (love) sem certezas é meio complicado, entendes?

    Abraço
    Maria, Simplesmente said...
    Não me preocupo pelos comentários pois sei como eram e além disso era uma questão das minhas comentaristas os enviarem novamente.
    O mais curioso foi alguém, depois de ter visto o que eu disse sobre o que aconteceu, me enviar uma mensagem dizendo que uma meia hora antes ter tentado colocar um comentário e não ter conseguido entrar nos meus comentários, mas entrar depois. Até hoje não aconfeceu mais.
    Mas isto são histórias da Internet, como tantas que acontecem.
    Se não acontecessem histórias, como teriam os internautas tanto para contar?
    Não te parece que tenho razão?
    Boa semana
    Maria
    Ana Martins said...
    Nunca se deve desistir do sonho, belo post!

    Beijinhos,
    Ana Martins
    Triste Flor said...
    O amor as vezes nos dói, as vezes nos é ingrato, não o amor não, as pessoas que amamos erradamente, li e reli, absorvi cada linha, me vi...em possibilidades de voltar a acreditar nos camiinhos que sempre desviei por medo de arriscar... lindo o blog, bjus e meu carinho sempre.
    Secreta said...
    O medo pode sempre ser superado! :)
    Beijito.
    Ísis said...
    Grata por ter gostda minha foto lá no Jota!
    caso queira ver mais podes ir lá no meu canto...
    beijos perfumados
    Ísis
    Verdinha said...
    Palavras sábias !

    Desejo que nunca tenhas medo de amar porque é o melhor que nos pode acontecer mesmo se, às vezes , faz sofrer.

    Obrigada por te teres lembrado de mim neste dia da mulher !

    Beijinhos

    Verdinha
    Luadoceu said...
    Ola Art
    O amor acho que tb pode ser por tentativas e erros,senão como achar a pessoa certa se não errarmos?
    Ao errar nos aprendemos...
    Nao nos podemos fechar e certo,mas todos temos tempo de luto e ha saber respeita lo e mesmo assim ha pessoas que nao recuperam o sofrimento porque passaram...pois a dor e mto gdre
    Mas que bom que pensas assim e deixas uma porta aberta ao amor
    Bjo gde e cont de boa semana
    Blogadinha said...
    Só se perde quem não arrisca a queda. E quem sempre cai, cedo ou tarde se levantará - somos incorrigíveis no amor. Sempre tentamos. É mais forte.

    Que encontres o que procuras :)
    MARTHA THORMAN VON MADERS said...
    SEMPRE QUE VENHO AQUI ESTA LEITURA ME FAZ BEM. MUITO BEM A MANEIRA QUE VOCÊ ESCREVE TOCA FUNDO NA ALMA.
    APROVEITO PARA DESEJAR UM FELIZ SEMANA.
    SUA BONECA DEVE SER LINDA, CUIDE BEM DELA, POIS SÃO RARAS.
    BEIJOS
    Parapeito said...
    ...mas é tão bom perder o pé no amor :))
    perder o pé a cabeça...vale a pena :)
    Abraço**

Post a Comment