Profile | Facebook | Videos | Fotos | Portofolio | Ebay | Leilões.net | email |

Adiar o amor?!
Adiar o amor, não será o mesmo que adiar a vida?
Valerá a pena viver o amor na plenitude dos seus sentimentos, e das suas emoções?
Não se pode adiar o coração?

Bem... eu diria que se pode... e que algumas vezes até se deve... e outras talvez não... A verdade é que há corações urgentes, e urgências da vida que matam os corações urgentes.

Mas talvez seja o amor que nos salva... afinal, o amor não deixa de ser uma luz... que muitas vezes pode ser uma crueldade adiar. A dificuldade talvez esteja em transpor a barreira cerebral da razão.

20 Comments:

  1. Maria, Simplesmente said...
    Art:
    Obrigada a força que me tens dado e mais uma vez me deste sobre fotografia, mas não digas que a tua fotografia é mais fraquinha do que a minha. Tu és um fotógrafo espectacular!
    Este teu post é muito interessante,
    e digo-te: o amor é a única coisa na vida que nunca, mas mesmo nunca, deve ser adiada.
    Conheci duas pessoas, que por motivos que não podiam transpôr naquela altura em que descobriram que se amavam resolveram adiar, só por mais um ano...
    Só que o ano transformou-se dum momento para o outro, segundo sei, em segundos... na eternidade.
    Ê por isso que ela hoje odeia... diamantes.
    Art vai em frente, não adies o amor.
    A Luz a Sombra
    Mi said...
    (de António Ramos Rosa)

    Não posso adiar o amor para outro século
    não posso
    ainda que o grito sufoque na garganta
    ainda que o ódio estale e crepite e arda
    sob as montanhas cinzentas
    e montanhas cinzentas
    Não posso adiar este braço
    que é uma arma de dois gumes amor e ódio
    Não posso adiar
    ainda que a noite pese séculos sobre as costas
    e a aurora indecisa demore
    não posso adiar para outro século a minha vida
    nem o meu amor
    nem o meu grito de libertação
    Não posso adiar o coração.



    Devo andar numa de associação de tudo a poesia... Mas assim que comecei a ler o teu texto, lembrei-me deste poema.

    "A verdade é que há corações urgentes, e urgências da vida que matam os corações urgentes." - Achei esta frase completamente sublime!
    Para mim, uma verdade, sem dúvida! Considero, deste modo, que não devemos pensar só com o coração e que a razão tem sempre uma quota parte na melhor escolha para nós próprios e para os outros (desde que não nos tornemos cubos de gelo)!

    Bom domingo!
    Erotic Spirit said...
    U r a very wise person

    kiss
    Multiolhares said...
    Podemos adiar tudo na vida menos o amor,ainda que mais tarde se possa sofrer o amor dá momentos sublimes, não pode ser adiado
    beijos
    Miosotis said...
    ... quando é verdadeiro, o amor não se adia... vive-se!

    Adiar o amor não é adiar a vida! É matá-la...

    Sensibilizada pelo olhar sempre amigo e 'leal', em 'fragmentos'!

    Um beijo
    JOTA ENE ® said...
    Ando d'amores por uma ... vaca! E se muge :-)
    alfabeta said...
    Tudo acontece, quando tem que acontecer! ;)
    Um Momento said...
    Adiar...mas o coração fala mais alto e não deixa...
    Nós é que ás vezes somos surdos, ou não o queremos ouvir...

    Beijo...

    (*)
    Maria, Simplesmente said...
    Que fotografia!!!!!!!!!!!.........
    Pois claro que é um verdadeiro profissional.
    E que profissional!
    Este profissional tem fotografias maravilhosas, algumas até parece que estou lá.
    Bj
    Maria
    Elsa said...
    Art,

    vinha só para dar um bjo...
    mas na verdade... tou farta do mundo dos crescidos ... das responsabilidades!... Farta de ouvir a RAZÂO...

    SEGUE o TEU CORAÇÃO, ele sabe mais do que imaginas...

    bjokas
    Elsa
    Verdinha said...
    Adiar o amor, NUNCA !
    O maor "puro" é a razão de viver !
    Vive sempre tudo o que existe de bom o mais que puderes !
    Beijinhos verdinhos
    Oliver Pickwick said...
    Há casos em que não há outro jeito, senão adiar o amor. Pessoas morando temporariamente em lugares diferentes, por exemplo. Mas, nestas circunstâncias, caro Art, a razão é a melhor conselheira.
    Um abraço!
    Nogs said...
    Bolas!

    Adiar???

    o amor? Estás tolo ou quê? só se o quiseres perder. Nem os momentos, nem o amor se adia, nunca. Pois não voltam nunca mais...

    BeijOOOOOO
    Miriamdomar said...
    Quando se fala de amor, as pessoas dizem " se o amor for verdadeiro"!
    Mas como sabemos, se é verdadeiro, se não o vivemos !
    Quantas pessoas, podem dizer que foram muito amadas e amaram realmente? Poucas!
    A vida sem amor ,não faz sentido!
    É possivel ,adiar um sentimento?
    Isso, deve ser o mesmo que anular um sentimento!
    Obrigada pelos teus comentários!:)
    Bjs
    MARTHA THORMAN VON MADERS said...
    obrigada pelas visitas, amei.
    Poesia linda, falar de amor é falar da vida.Sem amor nada vale realmente a pena. beijos
    Carla said...
    às vezes é preciso adiar o amor, mas nem sempre se entende (ou todos entendem) o porquê!!!
    beijos
    Cöllyßry said...
    O amor nunca se deve adiar, mas há quem o faça, que lamento...

    Olá Art, vou pedir desculpa antecipadamente do post que vou publicar, porque o irei fazer domingo, não sei o que aconteceu lá na blogger,e comentas-te, dai não o ter tirado quando me dei conta...

    Sabes que gosto muito dos teus posts?

    Beijo doce e desejo de uma noite deliciosa...
    Parapeito said...
    .....Que o Amor Aconteça....

    :)
    BEIJINHA said...
    Nao devemos deixar tanto a vida para depois, adiar... ha coisas que so se podem viver uma vez, num determinado momento...Como se estivessemos no lugar certo, a hora certa, durante o tempo certo e necessario. simplemente porque assim e'.. sem razoes e motivos que se possam explicar por palavras.
    Um grande beijinho,
    boas entradas em 2009 .
    BEIJINHA said...
    ...PORQUE O AMOR ACONTECE! ;)

Post a Comment