Profile | Facebook | Videos | Fotos | Portofolio | Ebay | Leilões.net | email |

O "Pedaços de Nós" foi nomeado pela Ana do Cantinho da Anokas como um blogue que a faz pensar... e convenhamos que tem toda a lógica, pela razão óbvia que se ela aqui escreve, é obrigada a pensar...

A verdade é que este é um espaço, onde todos nós escrevemos aquilo que sentimos, e aquilo que somos, porque aqui damos um pouco de cada um de nós, daquilo que acontece connosco, e da forma como sentimos as coisas, e o mundo...

E por falar no mundo, gostaria de trazer aqui um tema, que não deixando de ser polémico, certamente nos obrigará a pensar e muito...

Antigamente, a Igreja utilizava o personagem "Diabo" para intimidar as pessoas. Agora que estamos no século XXI temos um novo "Diabo", que é o Osama Bin Laden, porque se alguma coisa má acontece, ou se há algum atentado, ele é o bode espiatório. Não quero com isto dizer que ele é um santo, apenas digo que ele é tão idiota e mau, como muitos outros, como por exemplo o George W. Bush. A verdade é que o Bush precisa deste personagem, para manipular as massas, e utiliza-o sempre que precisa de instalar o pânico e o medo no mundo.


Reparem nas semelhanças entre a imagem que nos passam do Diabo, e do Bin Laden. Ambos têm barba e a mão a fazer o mesmo sinal



A imagem que tentam passar-nos é de que o Bin Laden é do eixo do mal, e o Bush é o salvador que quer trazer a paz ao mundo. Vejam a imagem que passam dele. O emblema da presidência dos EUA por trás da cabeça dele dá a sensação de ser uma "auréola", como se ele fosse um Messias. Não há dúvida de que há quem saiba muito bem o poder que uma imagem tem...



Aqui, com esta perspectiva, tentam passar-nos a imagem de "santinho"...



Portanto, há que saber pensar, analisar, colocar perguntas a nós mesmos sobre todos os assuntos. Procurar fontes de informação alternativas, e não nos limitarmos a acreditar somente na verdade que nos querem "vender", como sendo a única e inquestionável "verdade". Vamos olhar para tudo o que nos rodeia procurando analisar as coisas das mais diversas perspectivas, porque só assim podemos encontrar o outro lado da verdade. Só assim podemos começar a ver mais além, e iluminarmos a nossa visão sobre tudo o que nos rodeia.


Depois desta reflexão, e voltando de novo a esta espécie de jogo, e para o completar, terei que nomear cinco blogues do meu interesse. Contudo, depois de muito divagar, cheguei à brilhante conclusão que os blogues que me fazem mais pensar são os de alguns elementos que fazem parte aqui do "Pedaços de Nós", não tanto por aquilo que escrevem nos seus espaços próprios, mas mais por aquilo que não escrevem!!!...

Por isso a quem vou distribuir os meus Thinking Blog Awards, é precisamente a eles mesmos para ver se os levo a escreverem qualquer coisinha... o que desde já confesso que duvido muito. Os nomeados são:

- Porquê? do Cumplicidades, porque o último post que tem no seu blogue, é de Novembro do ano passado (!!!), e fala de encontros e desencontros... ora só posso concluir que o desencontro é tão grande que nem ela consegue descobrir o caminho até ao seu próprio blogue, ou então o encontro que teve foi tão intenso que não tem tempo para nos escrever nada de novo.

- Dulcineia do De Castelo Novo... para o mundo, porque a última vez que deu "sinais de vida" foi em Abril para nos transmitir que tinha descoberto que já estava em 2007 (!!!)... sinceramente, penso que na realidade ela ainda nem isso descobriu...

- menina do menino & menina, porque depois de quase meio ano (!!!) sem nos dar "notícias", apareceu para nos dizer que tinha 69 emails da última vez que abriu a caixa de emails... ora com ausência tão prolongada, só pode mesmo andar com o 69... na cabeça... é claro.

- Tazaroteno do Eu.Taz, porque desde que foi etiquetado, simplesmente desapareceu

- Finalmente ao Pedro Arunca, por ser o membro mais recente do "Pedaços de Nós", e por ter um espaço ao qual vos convido a explorar um pouquinho melhor, porque vale mesmo a pena.

6 Comments:

  1. Pedro Arunca said...
    Obrigado pelo TBA. Não estava preparado nem vestido para a ocasião. Dedico este prémio à minha mãe (que Deus a tenha); ao meu pai (que Deus o conserve); restante, e numerosa, família (que Deus a proteja); aos meus amigos, aos meus bons professores, aos meus bons ex-chefes e ex-colegas de trabalho (que Deus os preserve); e a todos os outros (que Deus os perdoe)....
    Não espero, sinceramente, que o TBA (atendendo ao meu modesto contributo) seja um prémio merecido. Acho, honestamente, que ele é um estímulo para que contribuamos com os nossos pedacitos nesta manta de retalhos. Eu vou continuar. E você? Refile, revolte-se, reclame, aclame, Desafie, Provoque, evoque, enfrente, Inspire, respire, eleja, derrube, cante, espante, agradeça, desobedeça, grite, sorria, chore, desabafe, lamente, crie, reproduza, invente, faça qualquer coisa para mostrar que está vivo.
    Até já.
    foryou said...
    Ora então parabéns, Art :)

    A 1ª parte não comento senão ficava aqui mo mínimo um mês e acabavas por correr comigo à pedrada :P

    Ahh e já agora Pedro, parabéns também (e bem merecido) e... eu estou viva!
    Dä®k Añgë£ said...
    Art,
    E eu que pensava que era quem mais te fazia pensar... não levo este prémio!!!

    LoL

    Pensar, é uma das maiores liberdades que temos, e que por vezes não lhe sabemos dar o melhor uso, ou então não lhe damos o verdadeiro valor. Há diversas formas de liberdade, uma delas é a liberdade de pensamento, da nossa mente, da nossa consciência poder ser livre, e realmente não devemos, nem podemos forçosamente acreditar em tudo que vemos, ou que nos dizem.
    Mas seremos totalmente livres? Ou estaremos presos a correntes invisíveis?
    "Uma tigre numa reserva natural pode sentir-se "livre", porque não se encontra dentro de nenhuma jaula (limitação visível), mas está dentro de uma pequena área de onde não pode sair, mas como não vê grades à sua volta, julga-se livre"
    Muitas vezes eu também acredito que é assim que nós somos...
    Beijinhos.

    PS:. Muitos parabéns a todos a quem foi entregue este prémio. Parecem-me inteiramente justos.
    Ana said...
    Art,

    De facto, assusta-me um pouco a tendência que algumas pessoas têm para ver certas coisas apenas como lhes são apresentadas.
    Limitar o pensamento àquilo que se vê, torna-nos limitados.
    Aceitar "supostas verdades" sem as analisar, comparar, entender, etc., faz-nos viver num "faz-de-conta", por vezes muito cómodo.
    Quando pensamos, devemos faze-lo mesmo! E pensar dá trabalho...

    Beijinhos
    menina said...
    Padrinho!!!!!!!!!! que honra... ser assim distinguida.
    (não percebi ainda bem porquê, mas tudo bem! e que conversa é essa de eu andar com o 69 na cabeça? é verdade que abri o e-mail e tinha... 69 e-mails de lixo publicitário...)

    ok... em tua honra.. e porque a isso me "obrigas" vou escrever lá qualquer coisita e um dia destes prometo voltar com mais empenho.
    Passo por vezes por aqui... mas anda tudo sempre tão apaixonado que até parece que vivem num mundo de fantasia..
    tenho de voltar com novidades da FHM... ;o))
    Beijos

    (e é verdade..onde estão as minhas amêndoas? A Páscoa já passou!)
    Porquê? said...
    Querido Art,
    muito obrigada pela atribuição deste prémio! juro que ADOREI recebê-lo, não apenas por ser merecidíssimo mas, e principalmente, porque significa que gostas do que escrevo e que sentes a falta dos meus textos! Tens toda a razão!!!! desculpa a longa ausência, prometo recuperar brevemente até porque depois de tão grande elogio fiquei mesmo motivada!
    Nada demais se passou, nem encontros nem desencontros (infeliz e felizmente, respectivamente). Tive alguns problemas em conseguir abrir uma conta nova para a transferência do meu blog e confesso que isso me desmoralizou e fez-me desleixar um pouco...Depois, tenho tido uma vida muito mundana, paro pouco tempo em casa e isso deixa-me pouco espaço e serenidade para pensar calmamente nos meus cantinhos.....
    Mas o prometido é devido, voltarei em breve com um texto bombástico!!!! daqueles que te vai dar muito que pensar....eh eh eh
    beijinhos e até breve

Post a Comment