Profile | Facebook | Videos | Fotos | Portofolio | Ebay | Leilões.net | email |

O fascínio da vida pode estar em situações como esta: descobrir, tarde demais, que se ama alguém. Pode até acontecer com a pessoa que está ao nosso lado neste instante. Por vezes achamos que é um amor morno e sem chama, e que se acabar... tanto faz... mas passado algum tempo podemos vir a descobrir que nada era mais forte e raro do que esse sentimento.

Tarde demais é uma expressão demasiado cruel...
Tarde demais é uma conclusão a que nunca se deveria chegar...
Tarde demais é demasiado longe...

Por isso, não é lá que devemos deixar as nossas descobertas, porque só se vive uma vez, mesmo quando se adia a vida por nenhuma razão, apenas por medo de ser feliz.

36 Comments:

  1. Cristina said...
    Art,
    Mas por vezes realmente torna-se tarde demais e temos que admitir para connosco, e ir em frente, e como tu dizes, a vida é muito curta para vivermos o passado.
    :)
    Um beijinhu para ti
    Miguel said...
    Porquê perder tempo ...!?
    Há que investir no amor e disfrutar a vida ao maximo!

    Bjks da Matilde
    Lis57 said...
    Querido Art

    «TARDE DEMAIS» é uma expressão que nunca se deve empregar em relação ao amor.
    Nunca é tarde demais para lutarmos por quem realmente amamos.
    Boa semanam.
    Um beijo
    Daniela Mann said...
    E o problema é que o tempo nunca volta para trás!!!
    Beijinhos

    _____888___88888888___8888
    ___888888_8888888888_888888
    ___888888888888888888888888
    ___888888888888888888888888
    ____8888888888888888888888
    _____88888888888888888888
    _______8888888888888888
    _________888888888888
    ______________**
    ____####______**______####
    ___#######____**____#######
    ____#######___**___#######
    _____######__**__######
    ________#####_**_#####
    __________####**####
    ___________###**###
    ____________##**##
    _____________#**#___________
    terragel said...
    ME AMIGO ART, eu já nem sei mais a diferença entre ser tarde demais ou cedo, simplifiquei minha vida de uma tal maneira que tudo me parece uma simples querstão de dialética. De qualquer maneira não estou conseguindo achar alguem realmente interessante no momento para somar comigo um grande amor, talvez porque minhas atitudes tenham vindo antes dos sentimentos, ou simplesmente porque, na verdade nem sem porque!
    Um Abraço
    Barão da Tróia II said...
    Um excelente texto. Boa semana
    O Micróbio II said...
    Ora, nem mais... esta vida são dois dias e um já passou!
    almadepoeta " Isabel Valente " said...
    Tens razão, ás vezes só quando se perde é que se dá o real valor ao que se tem, mas ai possivelmente o verbo perder já é passado.
    Adorei ouvir esta musica, já faziam uns bons anos que não a ouvia.
    Andei pelo blog, temas bastante interessantes. Gostei muito. Deixo um beijinho
    Anonymous said...
    Ñ vou comentar este tema... acho-o demasiado intimista, Art.
    Ñ me leves a mal.

    Mt sensibilizada pelo teu olhar sp tão afectuoso em meu espaço.

    Votos de uma boa semana... ñ deixes passar por ti esse 'tal sentimento'!

    bjs
    Maria Carvalho said...
    Nunca é tarde demais...e nunca se deve adiar nada, muito menos a Vida!! Gostei deste texto. Curto, incisivo e dorido...Beijos.
    deusa da lua said...
    oi, vim avisar que tenho novo espacinho..espero por ti...
    Daniel Aladiah said...
    Caro Art
    Medo de ser feliz? Não! Isso não! Será que tudo está perdido?
    Um abraço
    Daniel
    Papoila said...
    Olá Art para se ser feliz nunca é tarde demais!
    Medo de ser feliz?
    Vive!
    Beijo
    Anonymous said...
    Boa Noite Art!

    Tarde demais é quando não sabemos o que desejamos do outro e de nós em relação a afectos e relações afectivas....
    Tarde demais é quando andamos a adiar tomar decisões por medos e inseguranças de falar e da outra pessoa ou a q está ou nosso lado não ser a q nos dá felicidade!
    Tarde demais... É não avaliarmos as situações e arrastarmos pesadelos muito tempo que nos desgastam a nós e aos outros (dentro e fora de acordos).
    Tarde demais é não sermos felizes no limite do que achamos que merecemos para continuar a levar mais e mais um dia e não estar com a pessoa certa para o fazer conosco!
    Tarde demais é deixar passar a vida e fazê-la em função da felicidade dos outros e não da nossa!

    Enfim Art...

    Tarde demais é mtas vezes não estarmos atentos e não ouvirmos a voz do nosso coração!

    Muitos beijinhos
    Freyja said...
    la vida se vive con sus momentos bueno y malos, el pasado no vuelve, el presente es siempre lo que se tiene
    besitos y gracias por tus saludos y
    gracias por tus palabras
    mi abrazo grande y que estes muy bien


    besos y sueños
    Nina said...
    Art,

    obrigada pelas palavras que deixaste no meu blog...é natural que não se saiba o que aconteceu, mas não foi comigo e sim com outra "personagem" das minhas histórias... não é fácil, não foi bom...mas tudo se resolve e em nome dela, agradeço o carinho.

    Quanto aos teus textos...a maior parte das vezes nem tenho palavras para comentar e rendo-me ao silencio.
    Já uma vez referenciei um deles no meu blog..e fica sempre a vontade de o fazer cada vez que leio algo novo.
    A maior parte das vezes, transmitem aquilo que realmento sinto e penso.
    Foi dos primeiros blogs que conheci e afirmo, sem qualquer dúvida, que é o mais emocionante e tocante de todos os que leio.

    Beijo
    Princesa said...
    Meu amigo Art,
    Como me sinto próxima de ti nesta manhã...
    Terrível essa expressão "tarde demais". Por isso e por todo o resto, quero manter a chama da ternura, do respeito e do amor, acesa a cada instante.

    Um forte abraço para ti e votos de felicidade, a cada instante, nas mais pequenas e insignificantes coisas da vida....

    Beijinhos de Princesa
    Barão da Tróia II said...
    Bom feriado.
    nene said...
    Nunca é tarde demais!
    um beijinho:)
    Luis Duverge said...
    Não te esqueças da Micaela ...
    Bom feríado.
    Multiolhares said...
    Tarde é quando as magoas ficam e já não saem
    beijinhos
    Passaro Azul said...
    Art,
    Como eu concordo contigo!!!
    Quantas vezes temos que...quase perder, para enfim valorizar!
    Mas nunca é tarde na verdade.
    Estamos sempre a tempo . Estarão os outros???
    É uma incógnita a que cada personalidade dará uma resposta.
    Adorei voltar a ler-te.
    Deixo.te mta saudade e um abraço com carinho e amizade.
    sónia said...
    sim, meu amor "descobrir tarde demais que se ama" é bem cruel - mas eu já te descobri.
    não deixes que o medo feche as portas que o amor quer abrir.
    "amanhã é sempre tarde demais"..mas hoje não estás aqui.
    por isso.."amanhã" quando os teus olhos tocarem os meus será o amor de "hoje" que "ontem" descobri que irá afastar o medo que nos separa.
    não deixes que o medo fale por ti e vem comigo...vem...não feches mais portas..eu tento não morder..;)..vem
    MalucaResponsavel said...
    Sim, "tarde demais" devia ser uma expressao irradicava do nosso vocabulario. bj
    collybry said...
    Oi, desculpa a minha ausencia...Agradeço as Tuas visitas á qual retribuo,tarde de mais é como dizer nunca, é muito tempo, nunca é tarde de mais, pode ser perder a oportunidade, mas se o nosso querer prevalecer, voltará ou essa mesma não seria benefica, outra voltará, não a percas_______
    Meu esvoaçar Te deixo, Cõllybry
    Su said...
    tarde demais....
    passado tornado presente.......

    vive a vida sem medos
    jocas maradas
    contradicoes said...
    Nunca é tarde demais
    para vivermos momentos da vida
    pois o tempo não sobra jamais
    depois da hora da despedida
    Litinha said...
    Art,
    Sim, creio que “Omnia Vincit Amor”!!!
    Por esta razão, nunca é tarde demais!
    Não existe “tarde demais” quando há amor.
    Não há “tarde demais” para o amor.
    O amor vence tudo, quando acreditamos no amor!
    Quando há amor, há sempre a possibilidade duma tentativa, que não podemos descurar.
    Se não oferecermos resistência ao amor, se deixarmos que ele impere na sua plenitude, o que se aparenta “tarde demais” poderá ser o “momento certo”, “aquele momento”…!
    Só a morte me poderá impor a afirmação de ser “tarde demais”! Enquanto ela não chegar… posso sempre reconsiderar… posso até estar a viver uma irrealidade, mas vivo-a com amor e esperança…
    A crença no amor e a esperança alimentam a vida e a vontade de viver…
    Beijinhos.
    Ana said...
    Foi por ter medo desse "tarde demais" que resolvi abrir o coração, deixar de calar o que já não podia ser calado, quebrar o silêncio.
    É triste perceber tarde demais que se ama alguem...mas é mais triste ainda perceber que sempre o soubemos e nunca fomos capazes de o dizer.
    Já existiram alguns "tarde demais" na minha vida, mas o momento que estou a viver é demasiado importante para que se torne mais um deles.

    Beijos

    Beijos
    Cristina said...
    Hoje passo aqui com pressa para te desejar um bom fim de semana :)

    Ah, e para te dizer também que recebo via email a actualização do About Last Night :)

    beijinhus
    meialua said...
    Por isso mesmo deve-se gozar, aproveitar, viver o presente, não deixar nada por fazer... não ficar na dúvida, para um dia + tarde não ficar a remoer no "e se?"...

    E para não ser... tarde demais.

    Beijos grandes*
    justine said...
    eu quero acreditar que nunca é tarde para nada...

    um beijo
    justine
    Adryka said...
    Muitas vezes andamos tão assustados com passados escondidos e não esquecidos com dores que não passam com mazelas que não curam com golpes que n/ cicatrizam que ´impossível apercebermo-nos do amor perto de nós. Beijinhos amigo
    Porquê? said...
    Querido Art,
    infelizmente é assim, quando descobrimos tarde demais que amamos alguém é realmente tarde demais para o outro que esperou, deseperou e decidiu partir... O ser humano tem destas coisas e só descobre o que quer quando se apercebe que já não controla o outro, que já não lhe diz nada... é triste pois isso implica um anterior sofrimento de alguém que amou em silêncio e não era correspondido!
    Mas....espero que não estejas a sofrer desse mal!
    Um bom domingo,
    beijinho
    Porquê? said...
    ...e por falar em tarde demais, sugiro que vejas o filme (caso ainda não o tenhas feito) "A casa da Lagoa"!
    Foi um filme que me fascinou tanto que terei de o ver novamente!!!!
    espero que gostes....
    Maria said...
    Art of Love beautiful Post!!! kiss.

Post a Comment