Profile | Facebook | Videos | Fotos | Portofolio | Ebay | Leilões.net | email |

Lugar Nenhum


Lembro-me quando as ruas da cidade me levavam em direcção a ti... Quando as placas de sinalização me guiavam e eu nunca me perdia...

Não sei como tudo se complicou, porque agora as ruas parece que não me levam para lugar nenhum... Agora as ruas não têm saída, nem sinalização, e por vezes parece-me que estou a correr na direcção errada.

Às vezes penso que estou a chegar perto... mas ainda estou muito longe... Isto é a imagem que tenho de como ficar perdido a apenas alguns minutos do destino... Não sei se esta história já acabou, ou se só agora começou...

34 Comments:

  1. Shiazinha Star Eyes :) said...
    Art,:D, Não te sintas perdido... Basta olhares em frente e encarares o caminho que sempre percorreste com firmeza. Vais ver que nele vais encontrar as résteas de um trajecto que sempre adoraste percorrer e vais encontrar o teu Lugar ao Sol.

    Conselho de amiga! Fica bem ;)*
    Karura said...
    todas as historias têm finais alternativos. cabe-te a ti saber que final é que vais "escolher". beijos****
    Anonymous said...
    O universo é infinito e assim também são os caminhos que podemos escolher. Natural sentir-se perdido, andando em círculos, mas preste atenção ao teu coração e saberá qual o melhor caminho a seguir. Momento de ser carinhoso, generoso, gentil contigo mesmo e com tua criança interior. Pausa para balanço enquanto aguardas novo recomeço, assim como uma primavera depois de longo inverno. Beijo de ~~Nuvem~~ no teu coração...
    http://www.nuvensquepassam.blogger.com.br
    Cristina said...
    Olá Art,
    Vejo que agora sim estás de volta, e com um novo começo :)
    Bem vindo!
    tem uma linda semana
    :)
    menina said...
    Não sei se consigo convencer o menino a voltar a escrver padrinho.... ele continua a não querer fazer as pazes comigo... e por isso convencê-lo fica ainda mais difícil...
    Deixei uma perguntinha lá no menino&menina que talvez me possas responder.
    Beijos e bom 2006!!!!!!!
    Nefertiti said...
    Art,
    Alegra-me ver-te de regresso ao aconchego do teu lar, partilhando os teus momentos e em busca do calor junto de quem te quer tão bem.
    No meu canto... pensei em ti.
    Um beijo.
    Desconhecida said...
    Pois, isso é normal. Já pensaste bem porquê?

    Beijinho
    Estrela do mar said...
    ...Art, passei para te ler e deixar um beijinho...


    Tem uma boa semaninha.
    Lis57 said...
    Olá Art

    É bom ler outra vez teus textos.Todos nós temos momentos na vida que parece que nos sentimos um pouco perdidos e a maior parte das vezes estamos no local certo,no nosso lugar ao Sol.
    Boa semana
    Titá said...
    Uau q bom chegar aqui e ler d enovo teus textos. Fiquei muito feliz com teu regresso.
    Não te sintas perdido. Olha para tua sensibilidade que é excelente e encontrarás um guia.
    Bjs
    O Micróbio said...
    De volta... e ainda bem!
    Adryka said...
    Ora mas que contente estou por voltar a comentar neste teu blog, que tantas alegrias me tem dado, andava super triste por não o publicares, escreve amigo, fala de ti de nós. Por mim do meu blog podes ter tudo que te agrade só não quero que me ofendas. Beijinhos meu amigo
    Anonymous said...
    Olá! Achamos que todos nós nos sentimos assim de vez enquando...meio perdidos, à procura de um rumo, à procura de um sinal que nos leve para o caminho certo... mas isto ñ será simplesmente viver? Todas as historias têm um inicio, um meio e um fim, cabe a cada um de nós decidir qual o melhor argumento. Um beijinho e um abraço da Margarida e Gonçalo
    www.momentosadois.blogs.sapo.pt
    ♥≈Nღdir≈♥ said...
    Art,
    Durante o nosso percurso pela vida, muitos caminhos temos que percorrer e até escolher, muitos não são a melhor escolha, acabamos por perceber isso mais tarde, mas todos eles nos fazem crescer e evoluir.
    Bjx
    Anonymous said...
    Olá... k bom ter-te de volta.É bom reler os teus belos textos!!
    Espero que seja para ficar!
    Beijinho grd
    Moon Priestess
    Miguel said...
    De certeza que encontrarás o sentido e de novo a boa disposição!

    A solução para essa desorientação!

    Bjks da Matilde
    Neith said...
    Voltaste...ainda bem...gosto de te ler. Um beijo enorme :)
    Porquê? said...
    Caro Art,
    em certas fases das nossas vidas temos mesmo que nos perder para nos encontrarmos! Faz parte do ciclo da vida, de nada valem os conselhos dos amigos e familiares. Temos que bater com a cabeça na parede para nos levantarmos com mais confiança!
    Parabéns pela música! é linda!!!
    Bjs
    até breve
    mc said...
    que bom, voltares! é uma delícia poder voltar aqui, encontrando-te.
    fica bem.mc
    lazuli said...
    Art of Love, é um prazer ler-te e nunca mais te tinha "visto" o que me causava uma certa tristeza.
    Hoje foi uma noite de reencontro contigo, bem hajas:)**

    Beijos

    fernanda G.
    Santos Passos said...
    Passei pra deixar um abraço. O intimismo, aqui, continua estimulante.
    Magia said...
    São as histórias inacabadas, que dão sentido á vida, fazem-nos sonhar, e têm o dom de nos surpreender a qualquer momento.Encantamentos mil
    bono said...
    Realmente um grande blog, os mais sinceros parabens!
    Passa por aqui se quiseres...
    www.souelitesouassim.blogspot.com
    www.multinight.web.pt
    www.elite84.blogspot.com
    Angel Eyes said...
    Por vezes, o problema não é sentirmo-nos perdidos! Ainda mais angustiante é desconhecer a razão que levou a que nos tivessemos perdido; E o porquê, de já nada se assemelhar ao que antes nos rodeava.

    Será que as ruas mudaram e sítio??
    Será que inverteram o sentido das placas que outroramente nos guiavam?
    Terá alguém colocado muros em cada rua, e as mesmas se tornaram becos sem saída?

    Medir agora a distância do destino será difícil!!

    A história, essa não acabou... nem começou... A tua história simplesmente continua...

    As tuas palavras no meu singelo cantinho foram um elogio muito grande! Adoro ler estas textos, a forma como os sentimentos fluem, tão dotados de "Eu"!!
    Vou adicionar-te aos meus Olhares com Asas... Pretendo por aqui passar mais vezes!!!
    Bj
    yatashi said...
    Querido,
    é preciso força e coragem para ultrpassar as barreiras, os caminhos que parecem que não têm saída..
    tu tens essa força eessa coragem,
    basta acreditares e conseguirás

    :)
    abraço*
    Rose
    Misty said...
    Art,
    que bom ler-te aqui outra vez, sinceramente. Não sendo das tuas leitoras/comentadoras mais assíduas, sempre gostei de ler o que escreves. Sempre achei que o fazias com uma clarividência extraordinária, mas, ao mesmo tempo, com um aspecto intimista (o desing da página em muito contribui). Fico, portanto, contente.

    Esta conversa toda para quê? Para te dizer que não há palavras de consolo, porque ninguém consegue apreender o que vai no coração dos outros.

    A única coisa que te digo, foi algo que li recentemente a alguém, que tal como tu é de uma enorme sensibilidade; dizia ele que por vezes, em vez de nos debatermos contra a corrente, que nos consome, mais vale deixar-nos levar pela corrente, descansar, ganhar forças e voltar à "luta"...

    E não te dou conselhos - além de serem normalmente um chorrilho de lugares-comuns, têm pouca ou nenhuma utilidade.

    Só desejo que continues em frente, que consigas partilhar connosco o que sentes, porque até na dor és extraordinariamente lúcido.

    Já chega, isto já vai longo!

    Fica bem!
    Raquel V. said...
    "Não sei se esta história já acabou, ou se só agora começou..."

    Antes, na juventude infinita que parecia existir sem se esfumar... era tudo mais simples, não era...?
    Agora perdemo-nos em dúvidas e por ruas diferentes, sem sabermos que são as mesmas e somos nós que as vedamos, muitas das vezes...
    aware said...
    tenho saudades tuas...*
    Maria said...
    ART, OBRIGADA PELA VISITA! Gostei! Amei! "New looking" QUE LINDA A APRESENTAÇÃO.Meditando: "ABOUT LAST NIGHT", a sabedoria do AMOR apareceu dizendo: Na tarde se prepara a noite, na noite se vive o momento.De manhã se prepara para a noite. Vigia o AMOR como vigiarias a tua casa dos ladrões, o teu trigo dos pássaros, a tua vinha das rapozas, e rapozinhas! Cuida do teu AMOR como cuidarias do teu jardim!Vive o teu AMOR no eterno momento!Guarda o AMOR como guardarias um tesouro!Lembra-te que o AMOR é mais precioso que diamantes prata....e ouro!
    maria said...
    ALÔ Obrigada pela visita!
    Paty said...
    Há tanto tempo Art...
    É bom ver-te de volta...
    Lembraste que uma vez falaste de recomeços? Encara este momento como um recomeço, não de uma relação...um recomeço de ti, da tua vida, do rumo que ela está a levar...
    Na vida nada é em vão, há sempre uma lição a tirar, se parares escutares o teu coração e ouvires o que ele te diz, talvez sintas que é hora de mudar de recomeçar e reconstruir a tua vida...porque ás vezes é apenas isso que nos separa de encontrar a felicidade!
    Já sentia saudades confesso!
    Beijos
    Fernando B. said...
    O eterno caminhante em busca do seu Sonho.

    Um abraço,
    Dulcineia said...
    Já tinha saudades de vocês.É sempre um gosto ler tanta emoção.Já voltei mas ainda não tive tempo para voltar a escrever.Beijos para vocês.
    mgbon said...
    É bom saber-te de volta, para saborear as emoções que partilhas connosco.

Post a Comment