Profile | Facebook | Videos | Fotos | Portofolio | Ebay | Leilões.net | email |

Hoje eu vou falar de coisas que nunca falei, de coisas que talvez nem tu vais gostar de saber. Verdades que eu sei que incomodam, mas eu vou falar...

Eu hoje quero dizer-te, que muitas vezes magoei-me para não te magoar, que muitas vezes eu chorei para não seres tu a chorar, e que muitas vezes fui eu que saí para te deixar ficar.

Eu hoje quero dizer-te, que passei muitos momentos de solidão, e que carreguei a minha paixão todo este tempo, sem te ter aqui ao pé de mim. Na verdade este amor foi um sonho que marcou a minha vida, e foi o sol que não brilhou na minha vida.

Eu hoje quero dizer-te, que te vou tirar da minha vida, e desta vez é a sério. Nem que eu leve muito tempo para te esquecer. Desta vez é para nunca mais, desta vez eu não vou voltar atrás.

Vou seguir o meu caminho, e esquecer-me de ti, esquecendo-me deste amor que me fez tão mal. Vou reencontrar o meu sorriso, leve e natural. Fui tão estúpido por te ter julgado especial... Eu andei por onde o amor não sabe ir, entrei na tua vida e perdi-me, mas vou-me encontrar ainda a tempo, e vou seguir a minha vida sem ti. Leve o tempo que levar para te esquecer, vou-te arrancar do meu pensamento.

22 Comments:

  1. ZAG said...
    Boas,

    Ainda não entendi quem vai á frente, se tu se eu, mas uma coisa é certa ai eu já estive... e confesso que não é nada simples, nem bom e numa primeira fase (dure o tempo que dure) é mesmo isso "esquecendo-me deste amor que me fez tão mal." Mas eu acredito piamente, que sejas melhor que isso.
    Viste como eu tinha razão, e digo-o em lagrimas "Tem cuidado!"... as lagimas são de compaixão... e de algum masoquismo ao me rever... Permite-me só te iluminar um pouco nessa tua estrada escura...
    "Fui tão estupido por te ter julgado especial..." - isto é uma enorme contradição perante tudo o que falaste, tudo o que já sentiste, não podes deixar que a raiva, o rancor e até quem sabe alguma necessidade de vingança. Não pode, não posso permitir que vás contra ti proprio, contra principios "sagrados"...
    Se julgaste especial, é porque na realidade foi, pode ter sido por um minuto por uma hora por um ano, o tempo é de tal maneira relativo que se torna completamente irrelevante. Não existe balança para o tempo não é quantificavel o tempo de qualidade nem o de defeito... O que importa é aquele pico de felicidade, aquele sorriso espontaneo criado ás vezes por aquele nada (pelo sentimento). Mas vê se entendes uma das leis da vida, se entendes tu e entende toda a gente, tudo seria bem mais facil assim. O que é dito e sentido num determinado momento é a mais pura das verdades, não se pode é esperar que dure para sempre, porque da mesma maneira que ambos evoluimos tb temos de permitir que os outros evoluam.
    Se vai, deixa ir, se fica, guarda como se fosse para sempre, mas nunca, nunca lhes faças frente. Deixa que decidam, a liberdade não tras rancores, e permiti-lo não nos tras culpas.
    Um pequeno (enorme) lema de vida tão bem retratado por Rui Veloso "Nunca Voltes para onde foste feliz!"... Acrescento a isto o nunca guardar rancor por quem vai e lembrar sempre o facto de terem passado e nos terem ensinado algo... acho que assim encontras um equilibrio na vida, mas demora o seu tempo... é um pouco a historia do Bivalve...

    Abraço
    Mónica said...
    Ha coisa k por vezes precisam de ser ditas e ficam eskecidas ou sao escondidas. Acho k um amor assim nunca se eskeçe o tempo vai apaziguar a dor mas vao ficar sempre lembranças...Bom fim de semana,beijokas****
    ZAG said...
    Apenas uma coisa que me esqueci de te dizer... e desculpa seres tu a descarga do meu eu... mas no fundo tudo não passa de monologos. Podes dizer, faz parte da liberdade, mas não cobres uma coisa que fizeste num determinado momento de graça. Por mais que isso possa doer, estavmos pelos da consciencia das consequencias quando optamos por fazer... de nada te adianta o cobrar... de nada mesmo. Muito pelo contrario... é esse cobrar que te (nos) deixa tão amargos...
    Estrela do mar said...
    Que nunca te arrependas com essa tua decisaõ...mas ás vezes é preciso mesmo colocar um ponto final.
    Bom fds.
    Um beijo*.
    Maria Branco said...
    Não, não será facil.. Um dia a dor a magoa o amor, irao dar lugar a um sentimento mais suave, irão permitir que te libertes, não sera com toda a certeza tão rapidamente como desejarias, mas acredito que o tempo ajuda, que suaviza a dor.. Contudo se te agarrares à magoa ao rancor, acredita que nunca te irás conseguir libertar, desculpar é um passo para essa libertação, e claro para que um dia encontres o teu sorriso e a tua paz. Muitos beijinhos
    Anonymous said...
    Tantas vezes que penso assim so para voltar a gostar "de alguem" mais forte. Um amor nao se esquece... Mas boa sorte =) Vi que me adicionaste no MSN. bjokas*
    Rita said...
    Ola!!
    Ha algum tempo k nao vinha aki, entretanto perdi o link, mas encontrei-o de novo por aí.. :)
    Gostei do k escrevest, e se axas k realmente é o melhor para ti, entao so tens de ter força para o conseguri..aTÉ Ao fim!!
    Abraços
    Anonymous said...
    Ai, como eu sei ao que te referes! Eu mesma passei por isso há muito pouco tempo. O teu post está lindo...não imaginas como me identifiquei com o que ia lendo...! Coragem, desejo-te cmuita oragem e força! Obrigada pelos teus comentários no meu blog. Muito bonitos! Sério, muito obrigada! Beijinho grande! =) http://chamaoculta.blogs.sapo.pt
    snowshoe said...
    Bem, já há algum tempo que aqui venho e gosto sempre muito dos teus posts. Sabes, pouco tenho a dizer ao que dizes porque neste momento sinto o mesmo (basta dares uma vista de olhos no meu blog...). Vou apenas confiar no Tempo e esperar por ele, é o determinante de tudo... Resta-me esperar, sofrer, amar alguém que não me ama... Mas quando se gosta não se deixa de gostar de um dia para o outro. Um beijinho.
    Adryka said...
    Isso é uma decisão de homem! se conseguires admiro-te, mas é tão dificil esquecer aquele que amamos, só com muita força alguns conseguem, se conseguires os meus parabens, força.
    inconfidente said...
    Mãos à obra!!!!!!!Já é tarde.
    NR said...
    Sempre em frente sem olhar para trás.
    Luis Duverge said...
    Eu também vou partir ... coincidência ou não, estou no sentido da liberdade ...olho cá de cima as cidades e os campos
    vejo almas que voam de um lado para o outro e regressam sempre ao mesmo lugar.
    Eu continuo ...
    Um abraço e obrigado pelo apoio que deixaste no meu blog.
    A. Narciso said...
    Tem alturas em que é imperativo que se olhe em frente. Gostei mto das tuas palavras. Boa semana
    *A
    Anonymous said...
    Gostei da teu visita ao Eterno Enamorado. O teu post de hoje, aliás, tudo o que li, dá-nos muito gosto pois escreves muito bem e transmites claramente as tuas idéias. Acho, sobre o post de hoje, que há uma precipitação de sentimentos, decisões em fúria, pouca tolerância ou talvez uma fuga ... Um abraço e volta sempre.
    Anonymous said...
    http://nus.blogs.sapo.pt peço para me visitares e comentares. O teu tá óptimo.
    Grilinha said...
    Leve o tempo que levar ..... mas vive cada dia o mais possivel. A nossa passagem por este lado é tão curta que não vale a pena perder tempo com quem não nos merece. Um beijinho e obrigada pela visita á meu blog.
    onlyweknow said...
    Fugiu o comentário anterior. Então repito: o teu blogue é very hot, entre outras coisas. Visita-me.
    Não conhecia o About last night, mas já te linkei.
    A verdade deste amor, desculpa mas não acredito que vás tirar da tua vida o tal ou a tal que te fez chorar, nós pensamos que conseguimos mas no fim,não seguimos a vida sem ele ou ela, essa pessoa tão especial que nos faz esquecer de nós próprios.
    Lino Gomes said...
    Ele há amores que deixam marcas, fundas.
    Anonymous said...
    Há momentos na vida que se tem de tomar decisões, este é o momento. Sê forte. Força.
    http://criticadonortecarago.blogs.sapo.pt/
    Anonymous said...
    Hay momentos en los que necesitas decir todo loq ue uno lleva dentro,aunque duelan,aunque se pueda hacer daño,admiro tu capacidad para decir,otras en cambio callamos y eso e lo peor,dejar palabras no dichas hacen mas largo el olvido,Bryda
    Anonymous said...
    Amei a foto! Continua a aparecer!
    http://sunshine.blogs.sapo.pt/
    http://pequenitos.blogs.sapo.pt/

Post a Comment