Profile | Facebook | Videos | Fotos | Portofolio | Ebay | Leilões.net | email |

Um bom ambiente... um jogo erótico... uma discoteca... uma atracção repentina... umas bebidas alcoólicas... e está criado o cenário perfeito para uma "relação relâmpago".

Gosto de one night stands, porque isso significa que houve sexo só por uma noite, e que nenhum vai à procura do outro no dia seguinte. Fica no ar um acordo tácito em que não têm lugar neuras, traumas, ou explicações... e isso agrada-me... gosto disso...

Acho que se deve ter uma aventura de uma noite ou duas, de vez em quando, sem qualquer tipo de melindres, sem amuos, e sem falsos pudores. Revitaliza o corpo como aquela bebida que dá asas... oh, se dá!!! Upa, upa... e amanhã é outro dia...

17 Comments:

  1. sonhos/pesadelos said...
    one night stand... o jogo do charme intantâneo, sem preguntas ou respostas, quem não gosta ou nunca quis, mente!
    bjs endiabrados
    Andy. said...
    Nem de propostio..
    Acabei de ter um debate com um amigo sobre isso.
    Tens toda a razao.:)
    bj.
    luiz fer said...
    blog bem montado....e a trilha combina perfeitamente com tudo...e sobre o post, a solteirice tinha muito dessas coisas. Mas hj, a vida de casado traz outros prazeres, tão bons quanto...

    nada como aproveitar ao máximo cada momento, e no momento certo, para viver os proximos sem culpa, muito menos saudade
    Erotic Spirit said...
    ...hmmm
    not my thing. Doubt any dumbass off the street knows how to touch me and if its just for him to have a good time ...ah he can go and play with his hand or land a less demanding idiot.
    :)
    Maria, Simplesmente said...
    Não... não deixo de comentar o que aqui escreveste.
    Sou mulher, e já vivi o suficiente para saber ao que te referes, só que certamente não será essa a etiqueta adequada, isso é sexo não é amor.
    Mas o amor pode existir sem sexo...
    E o sexo pode existir sem amor...
    O sexo pode ser por um momento, o amor pode durar uma vida...
    Essa é a diferença.
    Bom domingo
    Maria
    ▒▓█► JOTA ENE said...
    É... concordo contigo... e se tiver que ser uma rapidinha, opss!!!

    ai se as minhas amigas (que tb são tuas, rs) leêm isto, que vão pensar do Jota, mas comungo a tua ideia.

    Forte abraço
    Luadoceu said...
    falas de amuos, justificaçoes, aí n será e qdo se comeca a gostar?
    o pior é qdo de uma noite passa- se a querer mais, o pior e qdo e so de um lado e qdo e dos dois?
    Je Vois la Vie en Vert said...
    Vão achar-me antiquada e SOU.

    Sou COTA e não minto de maneira nenhuma quando digo :

    Não, este tipo de relação não me agrada. Sou da velha guarda que não consegue separar o sexo dos sentimentos. Encontrei o sexo com amor relativamente cedo na minha vida e não o trocava por nada ! No entanto, sou uma pessoa que gosta muito de mudança e de surpresas. Estas situações todas podem ser recriadas e vividas no casamento e fazem dum casamento uma boa e sólida união !

    Mas não condeno ninguém porque há todos os gostos na natureza !

    Só deixo um conselho : Protejam-se ! ;D

    Beijinhos

    Verdinha
    nOgS said...
    Concordo contigo Art, tudo faz falta na vida. Mesmo esses pequenos momentos, essas noites fugidias.

    Um abraço e desfruta-o bem;)
    contradicoes said...
    Concordo inteiramente que duma relação relâmpago não fique sequer o estrondo do choque. Tal como afirma Maria simplesmente no seu comentário isso é sexo não é amor. E que mal há nisso?
    Um abraço
    Maria, Simplesmente said...
    Sem o leão?... AhAhAhAh...
    Valentão...
    Secreta said...
    Se ambas as partes estão conscientes que não passa disso , se ninguem vai sofrer... então, "bola pra frente" :p
    marco said...
    eu bem tento ter uma noite dessas, mas as minhas amigas nao aceitam!
    Oliver Pickwick said...
    Jamais o amor será definido por uma equação matemática. Porém, certas paixões são inversamente proporcionais à sua duração.
    Um abraço!

    P.S.: Art, ri com o seu comentário lá no meu último post. Mas está certo, a verdade é aquela mesmo. :)
    Linda said...
    Venho agradecer sua visita ao meu cantinho e dizer que seu blog e muito interessante , parabéns , esta convidado a voltar de novo . um beijo para vc .
    MARTHA THORMAN VON MADERS said...
    Concordo com Maria, sexo sem amor, amor sem sexo, entendo sobre isso , mas como a maioria das mulheres sexo sem amor nem pensar.
    beijossssssssss
    Parapeito said...
    :)))
    ainda não tenho idade pra comentar tal assunto :P
    Um fim de semana cheio de trovoada...com mtos....relâmpagos.*

Post a Comment