Profile | Facebook | Videos | Fotos | Portofolio | Ebay | Leilões.net | email |

As mulheres não se entendem com uma chave de parafusos, porque isso serve-lhe de argumento para que o tal "amigo com jeito para montagens" vá lá a casa "dar uma mãozinha", porque se tivessem mesmo que usar a chave de fendas, a ver se não a usavam, e se não aprendiam.

O que há é muito comodismo. Elas encostam-se a eles, e eles encostam-se a elas... Nada a dizer. O que me irrita são aquelas que gostam de fazer o papel de parvinhas, coitadinhas, e outras inhas.

Gosto de mulheres que competem comigo, e que fazem uma correria para ver quem é o primeiro a chegar ao martelo, ou ao berbequim. Gosto de mulheres [assim]...

Aliás, porque mulher que é [assim], é porque não tem qualquer dificuldade com a tecnologia, e felizmente há muitas mulheres [assim], basta ver o volume crescente das vendas de vibradores, para perceber que elas se entendem com as tecnologias. Às vezes até muitíssimo bem... haja pilhas...

14 Comments:

  1. Maria, Simplesmente said...
    Viva o Portooooooooooooooooo!

    Tens amigas assim, que não sabem usar o berbequim e a chave de fendas?...
    Se estiverem à espera dum homem para isso... por vezes é melhor esperar sentadas.

    Quanto à outra tecnologia não posso dar opinião porque não conheço.

    E viva o Portooooooooooo.........!
    Maria
    Erotic Spirit said...
    lol lol funny
    I must say there r things I do perfer to pass on to a man, my dad, brother, husband or other family relative but never friends.
    I can do lots of things but not necessarily well enough nor have the time to do the things I know how to do well and then there r things I just can't do. I'm @ a stage of my life that time matters alot!! and handy little projects have lost their appeal. Call me spoiled and whatever else but even dusting is something I will pay to get done. But I don't bother friends with needs.
    My rule, U bother the people that love u and for everyone else bothering comes with a bill attached to it - Gotta pay up darling.
    My husband has called on his friends to help me instead of him because he was far and he didn't want to leave me by the side of the road waiting on help from road service but he is a generous friend and these 2 favors were more than paid over and over.
    I do bother friends for recommendations of handy people for hire and to put up with my complaining about lack of decent help nowdays.
    :)
    Ana said...
    A questão é que existem tecnologias mais interessantes que outras!

    beijinhos
    Ivan said...
    Eu também gostaria de uma mulher assim, he he he he!
    Se eu já não tivesse a minha que, aliás, não entende de chaves e ferramentas.

    Sobre o post anterio.
    Bom... eu acho que encontros descompromissados não nos trazem grandes aprendizados. Sei do que falo, porque esses encontros relâmpagos tinham a mim como maior prosélito que conheci!
    Deusa Odoyá said...
    Olá meu querido amigo.
    Gostei do seu texto.
    Obrigado por sua visita ao meu cantinho.
    E quanto aos parafusos e ferramentas, claro que precisamos de vcs. para nos ajudarem.
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Uma semana de muita paz, amor e luz.
    Beijinhos doces.
    Regina Coeli.
    Elsa said...
    Todos conseguimos fazer tudo... basta querer!...

    joka
    Elsa
    Melissa said...
    Oi Art!
    Bem, existe mulheres e homens de todos os perfis possíveis! Aquelas e aqueles que vão à luta, como os que nada fazem para seguir em frente. Basta selecionarmos bem as nossas companhias!

    :) Beijo e bom fim de semana!
    mjf said...
    Olá!
    Nós aprendemos tudo o que nos interessa:=))))
    Isto que estiver mesmo motivada.

    Beijocas
    Fa menor said...
    Olha: preconceituoso!!!

    Bjs
    Anónimo said...
    E real !!!
    Mas os inhos e mais inhos e os
    oês ???
    Não os há ?
    Oliver Pickwick said...
    Ora, amigo Art, sem exageros, mas gosto de certas tradições. Não há nenhum mal em trocar a lâmpada da casa de uma garota.
    Um abraço e fbom fim de semana!
    Parapeito said...
    Eu nem pra mudar pneus preciso da ajuda dos ómezinhos :P Gostei do fato de macaco da rapariga do berbequim...
    Um fim de semana cheio de bricolage**
    Luadoceu said...
    eu peço desculpas.

    n m sinto coitadinha p n saber mexer nas ferramentas, mas tb n sou apologistas q cabe so ao homem esse tipo de responsabilidades
    simplesmente n sei e admito, mas n m sinto coitadinha p isso

    e diminutivo prejurativo.....sinto m triste p n saber e é util p uma necessidade, mas pf....

    os homens entao sao coitadinhos p n brincarem c bonecas qdo mais jovens...nao...simplesmente gostam de carrinhos e combois e dai....

    beijinhos e bom fds

    n comento vibrador, mas n sou pudica, n comento
    Nandinha... said...
    Bem meu pai é quem não sabia usar nem uma chave de fenda, logo quando algo quebrava logo mamãe dava jeito de ela mesma arrumar, aprendi com ela... rs

Post a Comment