Profile | Facebook | Videos | Fotos | Portofolio | Ebay | Leilões.net | email |

Todos na vida temos momentos em que nos sentimos numa encruzilhada, e que apesar de haver vários caminhos todos se confundem aos nossos olhos... e só aos nossos olhos parecem-nos um só. Mas há um momento em que temos que decidir.

A vida é isso mesmo - um momento - uma curta passagem pelo tempo. E o tempo é medido por um relógio, o relógio da intensidade da ilusão.
Não vale a pena andarmos à procura de um tempo perdido no futuro, nem à procura de um tempo encontrado no passado.

Só vale mesmo a pena irmos à procura do tempo perdido no presente, porque no passado se perdeu o nosso tempo do futuro.
Olho para a frente, para o caminho a percorrer, não olho para trás... para quê fazê-lo?

13 Comments:

  1. Erotic Spirit said...
    Wonderful post... big hug & kiss
    :)
    Ana said...
    Hummm... Este post remete-me para um dos livros do Milan Kundera - A ignorância.
    Este excerto aqui:
    "Quanto mais vasto é o tempo que deixámos para trás de nós, mais irresistível é a voz que nos convida ao regresso. Esta proposição tem o ar de uma evidência, e no entanto é falsa. O homem envelhece, o fim aproxima-se, cada momento se torna cada vez mais querido e já não há tempo a perder com recordações. É preciso compreender-se o paradoxo matemático da nostalgia: o tempo do seu poder maior é a primeira juventude, quando o volume da vida passada é perfeitamente insignificante."

    está fabuloso, como tão bem nos habituou este escritor.

    Esta parte, aqui, tua:

    "A vida é isso mesmo - um momento - uma curta passagem pelo tempo. E o tempo é medido por um relógio, o relógio da intensidade da ilusão.Não vale a pena andarmos à procura de um tempo perdido no futuro, nem à procura de um tempo encontrado no passado."

    em particular...

    Sim, é mesmo isso. Às vezes perdemos tempo a mais tentando agarrar o passado e prever o futuro... Esquecendo o mais importante, o presente. é uma ilusão, de facto.


    Grande blog... Pena o outro estar restrito...

    Abraço
    Helena said...
    A vida é sempre deste instante para a frente. O passado serve de lição ou alicerce conforme nossos erros e acertos.
    O futuro é uma direcção que temos, objectivos, metas...
    Mas a vida acontece no presente. Agora é o momento certo para olharmos para a frente.
    Beijo
    calminha said...
    olá , hoje faz 19 anos que tomei uma decisao importante na minha vida, desdas decisoes que marcam toda a vida e ficam e perduram no tempo, ao ler o teu blog, pensei que quero que esta decisao va sempre comigo para o futuro porque me faz muito feliz.
    bj , boa semana
    Ignota said...
    É verdade: as tuas divagações sobre o presente levam a minha inteira concordância.
    Contudo, é tão difícil não olhar para trás, não só para ver o tempo que se perdeu ou se encontrou, mas o passado tem tanto mais...! E magoa.
    O passado magoa ainda mais quando o presente magoa; é nestes momentos, que a tentação de olhar para trás é ainda maior... e só nos deprime.
    Mas deprime ainda mais saber o que se tem que fazer nesta curta passagem pelo tempo, no Momento Presente, e não o conseguir fazer, não se ter a coragem para a tal decisão que sabemos que teremos que temar, apesar da encruzilhada em que nos sentimos estar.

    Nem imaginas como o teu texto fez hoje sentido para mim.
    Incongruente said...
    É capaz de ser mais sensato tentarmos não nos sufocarmos em angústias, talvez se apenas fechássemos os olhos, quem sabe... não conseguiríamos ver melhor?
    Secreta said...
    Não podemos apagar ou esquecer o passado. O presentee o futuro têm sempre algo dele.
    Beijito.
    aorta said...
    Passamos tanto tempo a olhar para o passado e a pensar no futuro, que nos esquecemos de viver intensamente o presente.
    Carla said...
    como eu costumo dizer: entre o ontem e o amanhã oferece-me o HOJE
    beijos
    (Un)Hapiness said...
    a vida deve ser vivida em função do presente. no entanto, não consigo renegar totalmente o passado..é certo que passado é passado, é certo que não do que foi feito poderá ser alterado, mas a verdade é que muito do que fizemos ou dissemos refletir-se-á no Agora e este, por outro lado, deverá ser construído com um OLHAR atento do passado..pk os erros são para cometer, mas não para repetir...
    pk o bom do que foi feito ou dito, derá ser smp relembrado...

    no entanto, concordo (em geral) ctg :)

    o presente é o essencial!!e disso, ninguém deve esquecer.
    (Un)Hapiness said...
    Art,

    concordo plenamente ctg.
    O nosso interior condiciona claramente a forma como encaramos isto ou aquio, o modo como vemos e o modo como olhamos.

    mas será que a Estória tem de ter continuação?
    será que não há histórias que acabam assim?

    humm...
    Alien David Sousa said...
    É aquela frase Art, o meu passado é meu passado e o meu futuro já chegou porque o meu presente foi à dois minutos atrás.

    Beijinhos
    Oliver Pickwick said...
    Mais verdadeiro, impossível caro Art! Do passado, só mesmo as lições que nos ensinam a caminhar sempre em frente.
    Abraços!

Post a Comment