Profile | Facebook | Videos | Fotos | Portofolio | Ebay | Leilões.net | email |

Não compreendo as mulheres que choram a qualquer momento por tudo e por nada... Irritam-me... porque parece que vertem lágrimas como se estivessem a fazer chichi. Ao menos eu, quando sinto vontade de chorar, finjo que estou com um aperto, vou à casa de banho e abro as torneiras para molhar a cara.

Não pensem que sou contra o choro. Não, nada disso, até porque as lágrimas nas mulheres... refrescam-me... levantam-me a moral... e às vezes até lhes lambo os cantos dos olhos... a mim sabe-me como beber umas caipirinhas... só que sem álcool... inteiramente naturais!!!

Quando digo "não chores" funciona sempre, porque só de mencionar o verbo "chorar" emociona-as, e liberta-as para chorarem ainda mais!!! Só intervenho com palavras de esperança, e de amor quando elas vão longe de mais e começam a pingar do nariz.

As mulheres depois de chorar ficam quase sempre com vontade de fazer amor. É como se apanhassem uma chuvada... ficam todas molhadas... e eu funciono como a toalha que está mais à mão... E as que choram depois de fazerem amor? Estarão assim tão arrependidas? Comovidas? Simplesmente agradecidas?

Gostaria de pensar que sim... de preferência as três coisas ao mesmo tempo... mas a verdade é que nem elas próprias sabem!!! Riem-se logo de seguida... mas as piores são as que se riem logo ao princípio... mas a verdade é que as piores também são as mais queridas... É horrível, não é? Mas só um santo é que não se aproveitaria...

4 Comments:

  1. foryou said...
    Nada feito! Tou fora! Não choro! Posso até ficar muitoooo triste. Posso ter vontade de chorar. Mas caramba... não choro :(

    Ahh e desculpa lá mas de santo, tu.... cá para mim não tens nadinha :P
    Ainda assim deixo-te um beijo, não para te secar as lágrimas, mas porque o mereces :)
    Dä®k Añgë£ said...
    Art,
    As mulheres choram sim. Choram de alegria, choram de tristeza, choram de raiva, choram de amor... Chorar faz parte da natureza feminina. E aceitar isso, quando se é mulher, traz um alívio e uma paz de espírito que fazem com que cada lágrima valha a pena.

    Quero agora deixar-te aqui uma pequena história que exemplifica bem o porquê das mulheres chorarem tanto.

    Uma criança perguntou à sua mãe:
    - Mãe, porque é que estás a chorar?
    A Mãe respondeu:
    - Porque sou mulher...
    - Mas... eu não entendo!!!

    Mais tarde o menino perguntou ao Pai:
    - Pai, porque é que a mamã às vezes chora, sem motivo?
    O Pai respondeu:
    - Todas as mulheres choram sem nenhum motivo...
    Foi tudo o que o Pai foi capaz de responder.

    A criança cresceu e tornou-se num homem. E, de vez em quando, fazia a si mesmo a pergunta:
    "Porque será que as mulheres choram, sem terem motivo para isso?"
    Certo dia esse homem ajoelhou-se e perguntou a Deus:
    - Senhor, diga-me... Porque é que as mulheres choram com tanta facilidade?
    E Deus disse-lhe:
    Quando eu criei a Mulher, tinha de fazer algo muito especial.
    Fiz os seus ombros suficientemente fortes, capazes de suportar o peso do mundo inteiro... Porém suficientemente suaves para confortá-lo.
    Dei à Mulher uma imensa força interior, para que pudesse suportar as dores da maternidade e também o desprezo, que muitas vezes vem dos seus próprios filhos.
    Dei-lhe a fortaleza que lhe permite continuar sempre a cuidar da sua família, sem se queixar, apesar das enfermidades e do cansaço, até mesmo quando os outros entregam os pontos.
    Dei-lhe sensibilidade que lhe permita afugentar qualquer tristeza, choro ou sofrimento da criança, e compartilhar as ansiedades, as dúvidas, e os medos da adolescência.
    Porém, para que possa suportar tudo isso, meu filho... Eu dei-lhe as lágrimas, e são exclusivamente suas, para usá-las quando precisar. Ao derramá-las, a Mulher verte em cada lágrima um pouquinho de amor.
    Essas gotas de amor desvanecem no ar e salvam a humanidade.


    Beijinhos.
    Nefertiti said...
    Art,
    Dizes: “Não compreendo as mulheres que choram a qualquer momento por tudo e por nada...” Não! Recuso-me a aceitar que este “pedaço” te “pertença”! Em nada se coaduna ao teu perfil. Não creio que sejas insensível ao choro duma mulher e muito menos que descures o motivo que as leva a chorar! Este “pedaço” é brincadeirinha tua, não é? Prefiro crer que sim, e que estes anos de leitura dos teus “pedaços” não tenham sido em vão e que a imagem que transmitiste e que de ti criei corresponda afinal, nem que seja numa ínfima parte, ao verdadeiro Art :) Bem, agora sou eu quem brinca! Não leves a mal! :)
    A verdade é que colocas um tema em discussão que considero de suma importância.
    As mulheres choram, e choram muito, e muitas vezes, é verdade. Mas não são só elas que choram!... Encontrei este artigo, que passo a transcrever, sobre um estudo levado a cabo pelo Laboratório da Expressão Facial da Emoção da Universidade Fernando Pessoa do Porto difundido pela RTP Informação, e que vai de alguma forma de encontro ao tema por ti abordado. O estudo abrange os dois sexos e visa a comparabilidade entre ambos.

    "O estudo, realizado desde 2004 pelo Laboratório da Expressão Facial da Emoção da Universidade Fernando Pessoa, do Porto, envolveu uma amostra de 2.322 portugueses com idades entre 18 e 70 anos, abrangendo igual o número de mulheres e homens participantes.
    Os portugueses choram, em média, duas a três vezes por semana, com as mulheres a verterem mais lágrimas do que os homens, por vezes sem saberem porquê, indica um estudo divulgado.
    Os resultados sugerem que as mulheres choram mais do que os homens, mas "os homens são mais intensos quando exibem as lágrimas", segundo esta investigação. Por outro lado, "as mulheres dizem não ter vergonha de chorar em público, enquanto que os homens se retraem e só o fazem em situações excepcionais", com ambos a justificar as lágrimas como "um mecanismo reactivo e de compensação" perante as dificuldades da vida. O estudo constatou diferenças de idade na manifestação do choro: ambos os géneros o fazem com mais frequência dos 18 aos 30 anos e depois dos 60, sendo as lágrimas mais intensas entre os 35 e os 55 anos nas mulheres, e entre os 35 e os 50 nos homens.
    Além disso, "as mulheres choram mais no quarto e com amigas", ao passo que os homens dizem não escolher o local e dão relevo às circunstâncias que motivam as lágrimas, segundo Freitas-Magalhães, director do Laboratório de Expressão Facial da Emoção.
    Homens como mulheres concordam que "o choro é provocado por razões externas, embora as mulheres sejam por vezes incapazes de identificar os motivos por que o fazem
    "..."

    As mulheres choram, os homens, afinal, também choram (mesmo que eles afirmem que isso é coisa de mulheres), e, sempre, há um motivo, uma razão, para nos fazer chorar, mesmo que não tenhamos dela consciência.
    Choramos “porque sim”... e um “porque sim” pode ser tão imenso!...

    Beijinhos.
    Anónimo said...
    Ana disse...
    És hilariante!


    sabias?


    Beijooo

    28 Março, 2008 12:24

Post a Comment