Profile | Facebook | Videos | Fotos | Portofolio | Ebay | Leilões.net | email |

O dia da Mãe já foi há uns dias, mas desde esse dia que este pensamento não me sai da cabeça...

Eu nunca quis ser mãe, mas ainda assim tenho uma vontade inesgotável de dar amor aos meus amigos, e deve ser por isso que todos eles acham que eu daria uma boa mãe... eu também acho, mas não quero...

Nunca tive essa vontade, e não a vou contrariar. Vivo feliz os meus dias de liberdade, de prazer, e de amor. Sempre me senti feliz por nunca ter pensado em filhos, e ainda hoje continuo firme na minha certeza, mas a verdade é que esta minha convicção não me livra de uma tragédia... a tragédia seria ficar grávida sem querer.

Há uns tempos atrás corri o risco estúpido de engravidar. Tinha todos os sintomas, e um pai para a criança de que me orgulharia. Se a gravidez se tivesse confirmado, a minha vida não seria a coisa boa que é.

Na minha idade, e com dinheiro e inteligência suficiente para criar uma criança, eu não faria um aborto, mas também não gostaria de ser mãe, por não ser essa a minha opção de vida. E se a natureza me fintasse e fizesse de mim mãe à força?

4 Comments:

  1. foryou said...
    A natureza não o fará! digo eu... mas o raio da natureza é um bocado do contra às vezes...

    Adoro ser mãe, embora muita gente ache que não sou uma mãe muito vulgar. Mas gosto assim, uma relação próxima, cumplice, meio maluca, só nossa.

    De resto... acho que é uma opção. Só deve ter filhos quem realmente os quer (e quem os quer deveria sempre poder ter...), fainal a vida de qualquer mulher não é apenas esse lado.

    Parabéns Dark por saberes exactamente o que queres e levares adiante.
    Å®t Øf £övë said...
    Dark,
    Um filho para uma mulher é uma transformação brutal que a marca para o resto da vida. Dizes que achas que davas uma boa mãe, só que não queres. Isso não será medo???
    Talvez se um dia uma criança vier ao teu encontro, enviada por uma qualquer entidade divina, te ensine a perder o medo, e a perceberes que com crianças por perto os sonhos nunca se perdem, só as bonecas é que se estragam.
    Beijinhos.
    Nefertiti said...
    Dark,
    Asseguro-te que fazer-me e ser mãe, foi e é a única certeza do meu querer, em toda a minha vida.
    ...
    Um beijo.
    Anónimo said...
    Pedro Arunca disse...
    Olá,
    Passe no meu blogue e veja quem nomeie para as 7 Maravilhas.
    PA

    01 Julho, 2007 21:47


    ~the girl with no name~ disse...
    Se a Natureza te fintasse e fizesse de ti mãe à força, de certeza que não ias ver isso com tão maus olhos. eu própria não fui nada esperada nem desejada, mas a minha mãe hoje diz que a vida é mto melhor comigo! ;)

    04 Novembro, 2007 22:18

Post a Comment