Profile | Facebook | Videos | Fotos | Portofolio | Ebay | Leilões.net | email |

Estava aqui a pensar em recomeços. Continuar com algo que já existe... iniciar novamente algo que já poderia ter tido um fim. Resumindo... recomeçar. Pode ser uma boa... ou não...

Quando se toma a decisão de tentar novamente, existem algumas coisas que devem estar bem claras nas nossas cabeças. A tendência da repetição dos erros é grande e deve ser controlada. Não é preciso mudar a maneira de ser, mas apenas corrigir algumas coisas, consertar o que atrapalha o relacionamento. Em alguns momentos, os defeitos antigos poderão voltar... Aí entrará como diferencial... o diálogo.

Se antes, o defeito ou problema em questão, era razão de mágoa ou de desejo de terminar a relação, agora o mesmo deve ser desejo de diálogo e de julgamento. Devemo-nos perguntar até que ponto determinado defeito nos incomoda.

Além disso, ao recomeçar alguma coisa, existe algo imprescindível... a necessidade de "por a zero" as situações. Se realmente existe a vontade de "tentar de novo", tudo o que for pendente, tudo o que for mágoa, tudo aquilo que ficou engasgado na garganta deve ser libertado, " posto para fora". Isto é necessário, para se poder ver as coisas com novos olhos, e de novas formas.

Um recomeço, inúmeras vezes, pode ser mais interessante do que um começo. A redescoberta da pessoa, dos sentimentos, dos gostos, das vontades... Conhecer novamente uma pessoa pode ser muito mais emocionante do que conhecer uma nova. Descobrir uma coisa diferente em alguém que já se conhece, redescobrir um sentimento, apaixonar-se de novo... Tudo isto pela mesma pessoa.

No entanto, não são todos os que conseguem algo assim. Tem de existir um comprometimento muito grande de ambas as partes, no sentido de se evitar novas decepções, novas tristezas. Algumas pessoas não conseguem "por a zero" no seu íntimo as decepções do passado. Isto não impossibilita as mesmas de enfrentar um recomeço, mas torna as coisas bem mais complexas.

Para finalizar, lembro aqui uma frase de um texto que li um dia:

"Eu aprendi que o AMOR, e não o TEMPO, é que cura todas as feridas"

Simples, profundo e incrivelmente verdadeiro!!!

38 Comments:

  1. Astri* said...
    Hoje deu tudo para postar coisas que eu identifico-me bastante.
    Tudo o que disseste é verdade... mas ... antes de uma pessoa por em causa em terminar uma relação deve dialogar sobre isso.. é certo.. ver os prós e os contra.. mas repara bem.. Na impulsividade do momento.. achas que alguém faria isso, conseguiria pensar assim?.. A mágoa faz-nos agir, por vezes, de uma forma que sabemos que é errada mas pensamos que tem mesmo que ser. Ora aí está uma boa questão mesmo.

    Bejinho ***
    Elvira Bill said...
    Concordo com tudo o que dizes, a dificuldade está no diálogo. Alturas há em que é um ponto sem retorno, nessa altura já nem diálogo existe, mas o mal foi de quem deixou chegar a relação a tais extremos.

    A tua última frase é verdadeira, e principalmente muito bonita, para quem acredita nessa verdade. Ou seja é uma faca de dois gumes.
    Lis57 said...
    Querido Art
    « O Amor e não o tempo é que cura todas as feridas»
    Uma frase que me fez pensar.
    Sempre ouvi dizer que o tempo curava todas as feridas, e cura muitas, mas não as provocadas por amor.
    As feridas de amor realmente só são curadas com um amor ainda maior.
    Não é fácil recomeçar seja o que for,mas nada pode ser mais gratificante que um recomeço, pois acabamos por descobrir e valorizar pequeninas coisas tão importantes e que afinal quase iamos perdendo.

    Beijinhos
    Cristina said...
    Recomeçar o amor vem sempre com mais intensidade do que da primeira vez....
    e o tempo por vezes cura muito, todos nós por vezes precisamos de espaço
    :)
    gostei do teu blog, voltarei
    :)
    beijinhu e prazer
    Carmem L Vilanova said...
    Perfeito, amigo Art... 'E o AMOR que cura todas as feridas... nao o TEMPO, o tempo faz esquece-las,mas elas continuam la, e basta que alguem as faca aparecer e recomeca o sofrimento... Fico feliz de que tenhas descoberto o fantastico poder do AMOR... e com ele o recomecar... recomecar e' sempre preciso, todos os dias se assim a vida nos exige, mas nao ha como corrigir o que nao esta' bem se nao se recomeca... Feliz Recomeco, querido amigo! :)
    Beijos para ti e para a dona do teu coracao... e de teu recomeco... :)
    lazuli said...
    O tempo só por si não é nada, tem que ter algo dentro senão..não é tempo, e vazio, é vácuo. Recomeça sempre, ou começa..que vai dar ao mesmo. O importante é não ficar parado, Art*
    Dä®k Añgë£ said...
    Art,
    Ia jurar que essa mão é tua....
    bjos
    Renatinha.. said...
    sempre vai valer a pena recomeçar..não importa onde você parou...recomeçe sempre...(tem post pra ti tá)...beiju e bom fim de semana
    Hrrada said...
    So true...

    Tenho que confessar que tenho um certo receio de recomeços... Por tudo o que referiste. Às vezes sinto que há um tempo para tudo, e que se acabou é pq não dava mais... Outras vezes... Bem, outras vezes sou apenas cobarde demais para tentar recomeçar...

    É como tu dizes tem que existir um grande comprometimento, uma grande vontade que dê certo, mas assim não andaremos sempre ocupados demais em evitar cair nos mesmos erros em vez de vivermos o que sentimos? Nem sempre eu sei... Mas fica sempre a questão no ar...

    Contudo, acredito que quando existe sentimento, vale a pena lutar por ele. Além do mais, um recomeço nem sempre significa voltar a tentar algo que não deu certo, às vezes é apenas uma lufada de ar fresco ou uma correcção de uma decisão mal tomada.

    ( sorry pela extensão do comment ;) )

    Take care :)

    mua*
    Raquel Vasconcelos said...
    Algo também muito simples: recomeçar só vale a pena se existir AMOR. Aí... vale sempre a pena tentar.
    Luis Duverge said...
    De facto vale mais um bom recomeço ...do que um ínicio que nem chega a ser. A vantagem é que o conhecimento prévio dos defeitos e virtudes pode ajudar a evitar novos erros. Ou seja reviver os bons momentos evitando os menos bons.
    Vou recomeçar ...no trabalho claro.
    Até já.
    O Micróbio said...
    A frase final diz tudo... Bom fim de semana... :-)
    Estou Feliz said...
    Querido Art,
    Quando duas pessoas se amam verdadeiramente, só um factor levará ao fim desse amor... a falta de diálogo.
    Não abrir o coração gera dúvidas e estas solidão.
    Quando duas pessoas se amam verdadeiramente, só um factor impedirá um recomeço... o orgulho.
    É o orgulho ferido que nos impede de lutar pela pessoa amada... de lhe dizer que a amámos... de admitir que o erro foi dos dois e não de um só... de tudo fazer, sem pensar no que o mundo diz, para as dúvidas se dissiparem e as certezas voltarem ao amor.
    Mas tens razão "tem de existir um comprometimento muito grande de ambas as partes" e "não são todos os que conseguem algo assim"... ambos têm de amar e querer muito esse recomeço... ambos têm de proteger esse amor.
    Sim... só com muito amor se curam todas as feridas do Amor.
    Com muito carinho, beijo-te
    Boxexas said...
    Recomeços não são fáceis, implicam muita dedicação, conseguir uma tranquilidade para enfrentar e conversar sobre tudo o que nos magoou, sobre as causas que conduziram à separação. Os recomeços trazem consigo receios humanos compreensíveis, mas a luta tem de ser superior a qualquer medo que tenhamos em nós. Mas sabes, nem sempre é possível recomeçar, nem sempre é o amor que cura as feridas, mas sim o tempo acompanhado da tuas próprias forças. Mas, claro, que o amor é fundamental e ajuda sempre, faz-nos sonhar, acreditar e seguir sempre em frente. Que seríamos de nós sem ele? ;-) beijos enormes*
    meialua said...
    Gostei bastante da frase final, mas acho que o tempo tb ajuda...

    ;)

    beijokas...
    Carlinha said...
    Recomeçar é dar uma nova chance a nós mesmos, é renovar as esperanças na vida. Recomeçar vale sempre a pena!
    Salatia said...
    r e c o m e ç a r ... acho que disseste tudo...excelente fim de semana
    Anonymous said...
    Quando há AMOR,verdadeiro e sincero,tudo pode recomeçar.Mas nem sempre assim acontece e aí sim é o tempo quem nos ajuda a superar tudo.O tempo,os AMIGOS,ou um novo amor...Mas cuidado!A nossa fragilidade pode estar tão fresca que magoa os outros e encaminha-nos para um buraco ainda maior.Um abraço e bfs.Dulce
    Tazaroteno said...
    Amigo o melhor para ti é o melhor para mim como teu amigo, se tudo o que escreveste é o teu pensamento e sentimento, so te tenho que dizer estiveste muito bem na tua decisão, força amigo.
    mfc said...
    Está certo e está muito bem escrito, mas é muito difícil recomeçar.
    Porém, quando se consegue, normalmente corretudo muito melhor, já que as pessoas se conhecem e evitam pisar nos mesmos erros.
    Estrela do mar said...
    ...@migo Art realmente sempre ouvi dizer que recomeçar com o mesmo relacionamento tem os seus "kês"...mas nou sou a pessoa indicada para te ajudar...no entanto, acho que em qualquer relação seja de que tipo for...tem-se sempre que limar umas arestas...e no amor esta máxima é imprescindível...por isso desejo-te muita sorte...e continua a procurar a tua felicidade...

    Beijinhos e bfs.
    Kriz_The_Wiz said...
    Recomeçar é exactamente o que descreveste... começar de novo, como se não se conhecesse a pessoa... esquecer que ja sofremos e fizemos sofrer... Ser as mesmas pessoas a conhecer-se uma segunda primeira vez... Pois num recomeço, sabemos os erros que devemos evitar, e o sentimento pode ser ainda maior... o que impede muitos recomeços é que... são precisas duas pessoas numa relação...
    Anonymous said...
    Caro Art,
    é muito bonito recomeçar, mas para que tudo dê certo é realmente necessário o tal "comprometimento" e o assumir desse recomeço por ambas as partes! Mas parece-me que estás no caminho certo! Sê muito feliz, beijokas
    Kalimera
    Paty said...
    Antes demais parabéns por este blog magnifico que reflecte muitas das duvidas que me assaltam todos os dias...Hoje particularmente, e desde há uns tempos vivo um momento dificil com o qual sinceramente não sei lidar...e mt confuso, dorido, sofrido, uma magoa e solidaão enormes...que neste momento acabam de encontrar alguma semelhança e entendimento neste blog. Viver, amar, sofrer, crescer...é tudo dificil e pressupoem muita coisa de cada um de nós. Afastar, acabar, recomeçar são passos muito dificeis quando se ama alguém, quando tudo o que se viveu teve um significado muito forte...Obrigado por este blog que me está a dar que pensar, que me está a fazer reflectir, que me está a acordar desta dormencia, desta solidão monstruosa em que mergulhei!
    pensamentos said...
    Olá Art,

    É muito bom recomeçar, mas o melhor mesmo é tentarmos fazer esse recomeço todos os dias...

    Abraços
    paulo said...
    Viva cá estou eu a visitar-te. Belo tema o "recomeço". As nossas vidas são feitas de pequenos recomeços.
    Um abrço de amizade.
    paulo
    Fernando B. said...
    Recomeçar é urgente, mas tentar a todo o custo livramo-nos dos fantasmas do passado é imprescindível.

    E isso não passa por enganadoras tábuas de salvação.

    Para, reflecte, o que tiver de surgir, acontecerá naturalmente.

    Um Abraço,
    Wakewinha said...
    Eu gostava de recomeçar, mas receio que a outra parte não me queira sequer deixar... E ainda diz que eu não falhei! Por ora continuo a acreditar que, o que cura as feridas, é o tempo, e não o amor, porque nesse deixei de acreditar... =$
    Squeezy said...
    hmm... eu nunca tive um recomeço...mas axo que teria mts dificuldades em "meter tudo a zero"
    mgbon said...
    Tudo vale a pena... mas recomeçar é muito complicado. Escrevi há dias um provérbio que diz..."Viver é como desenhar sem borracha"...vale o que vale.
    Mas é muito difícil apagar feridas que deixam cicatrizes, ódios e vazios que já nos fizeram sofrer.
    No entenato e se há amor é preciso acreditar. Boa sorte.
    mfc said...
    Reli de novo e sou levado a dizer o mesmo.
    É difícil...mas não impossíveis.
    As feridas abertas custam a cicatrizar!
    Daniel Aladiah said...
    Caro Art of Love
    Quase diria o mesmo... então quando te decides? ehehehe, recomeçar faz parte dos ciclos da vida. Alguns são curtos, como estes da net, outros mais longos e difíceis, como o dos amores...
    Um abraço
    Daniel
    Maria said...
    Caro ART OF LOVE,A VIDA É MESMO ASSIM, NÃO DEIXE DE ACREDITAR E DE ESPERAR PELO AMOR, ELE VIRÁ E NÃO TARDARÁ...UM POUQUINHO DE TEMPO E ELE VIRÁ OUTRA VÊZ. ASSIM COMO O SOL VAI E VEM ASSIM É O AMOR...O FAMOSO REI SALOMÃO ESCREVEU: O AMOR É FOGO, LABAREDAS DO SENHOR, BRASAS VIVAS,NEM A ÁGUA DOS RIOS PODERIAM APAGAR ESSE AMOR, NEM A ÁGUA DE TODO O OCEANO AFOGÁ-LO. O AMOR É FORTE...PARABÉNS A TODAS AS PESOAS QUE COMENTARAM MUITO SABIAMENTE. UM BEIJINHO
    Maria said...
    Caro ART OF LOVE. O AMOR É DE FACTO UM GRANDE ALVO. TODOS NÓS DEVEMOS PROCURAR VIVER NO AMOR.
    Renatinha said...
    eu desejo que um dia, alguém me ame...que tenha a mesma cumplicidade, o mesmo sentimento maior que sempre encontro aqui..
    Desejo também toda a felicidade do mundo, dizem que primeiro devemos desejar ao nossos amigos, assim depois virá a gente tbém, então desejo todo o Universo de felicidade a vcs assim um dia eu tenha me torne feliz, apaixonada..
    boa semana..
    Brigada pela visita e pelas palavras, desculpe meu texto, mas a tristeza tá aqui e não quer me deixar..
    beijo..
    Elise said...
    O Amor Companheiro, tudo cura...

    Abraço!
    andrye said...
    É verdade,p vezes um recomeço é bem melhor q um começo..mas o pior é qd nos damos conta q esse recomeço n correu bem..pk a outra pessoa n quer nem tenta q as coisas mudem e mt menos dialogar sobre elas..mas espero q o teu recomeço seja melhor q o meu e q sejas mt feliz.beijokas.
    Maria Carvalho said...
    Concordo plenamente! Para a maioria das pessoas não é possível fazer tábua rasa do que se passou, não conseguem reconhecer uma pessoa como se fosse uma nova pessoa!! Eu faço parte da minoria...e por isso estou sózinha! Bolas, isto até parece um drama assim escrito...Beijos

Post a Comment