Profile | Facebook | Videos | Fotos | Portofolio | Ebay | Leilões.net | email |

Eu queria que a distância entre nós não fosse tão grande. Eu sei, milhares de coisas aconteceram, inúmeros sentimentos mudaram, desejos, vontades, o amor até. Mesmo assim, não queria que fosse desta forma... tu tão distante...

Queria que tu estivesses aqui... que eu pudesse cuidar de ti... dar-te beijos e abraços... conversar ao ouvido... baixinho... coisas que só dizem respeito a nós os dois... ao que aconteceu... ao que poderá ainda acontecer... nós... de mãos dadas... unidos pelo mesmo sentimento. Sonho ou ilusão?

Ouvi dizer uma vez que os sonhos são projectos não concluídos, e devo reconhecer que é uma realidade, dura, cruel, real, quase palpável. E assim eu recordo os nossos sonhos... amor... carinho... paixão... amizade... cumplicidade. Amantes, sim. Porque não? Amantes um do outro. Apaixonados pela presença, amando cada segundo, com a cumplicidade explícita nos olhos... nos sentidos... nos momentos.

A vida prega partidas... sim... muitas... diversas... partidas demais. Chegaria a ser cómico, se não fosse trágico. As lágrimas correm pelos meus olhos agora. A saudade apertou... chegou... sem hora para ir embora. Saudade de um olhar... de um sorriso... de um beijo... saudade de ti... das tuas palavras... das nossas conversas... dos nossos momentos juntos... curtos ou não... intensos... inigualáveis... inimagináveis. Absolutamente, sinto falta... de tudo... de muita coisa que fica sempre por fazer. De um telefonema... de uma mensagem... de um sinal. Promessas... desejos, mais uma vez... realizados ou não.

Pendentes? Talvez... e mais uma vez, eu vou esperar para ver que tipo de surpresa a vida me vai reservar. Boa ou má. Agradável ou não. Felicidade ou tristeza. Eu não queria ter uma bola de cristal para saber, mas queria muito saber de verdade o que nos espera no futuro. Se é amor. Se é carinho. Se é nada.

Enquanto não descubro. Enquanto os teus olhos se escondem. Enquanto não tenho a resposta que procuro, fico por aqui. Pensando ou escrevendo. Sonhando ou planeando. Vivendo. Porque a vida não pára. E nem eu devo parar.

41 Comments:

  1. Dä®k Añgë£ said...
    ...saudade de ti...
    como sempre. lindo. beijos
    Maria Carvalho said...
    A vida não pára, não, não pára...beijinhos
    Daniel Aladiah said...
    Caro companheiro de caminho
    Parece que vemos a mesma paisagem com o coração apertado.
    Um abraço
    Daniel
    bono said...
    Fantastico texto... Mesmo lindo...







    www.elite84.web.pt

    www.elite84.blogspot.com
    Dulcineia said...
    Bom Dia.Revejo-me por inteiro nesse texto.Ainda hei-de descobrir como consegues escrever muito do que me vai na alma.Ás vezes pareces a minha alma gémea...lol.bjos
    andrye said...
    "Bola pa frente q atrás vem gente.." foi o q alguem me disse..e eu digo-te a ti o mesmo,sem deixar de salientar q mais uma vez este post ta lindo e q mostra a linda pessoa q es.beijo na alma,boa semana pa ti.
    Karura said...
    se ficarmos muito tempo parados a espera de algo, nunca iremos encontrar seja o que for. por isso, concordo... segue em frente... depois encontrarás algo semelhante ou melhor do que aquilo que tiveste... beijos***
    Ana Luísa said...
    Lindo texto (como sempre)...
    Mas não fiques assim, angustiado... Vive um dia de cada vez... Como se costuma dizer "o que é 'nosso' às nossas mãos vem parar"... E é isso mesmo, a vida não para, tens de continuar...
    Sorri :)
    Bjs
    Renatinha said...
    fantastico perfeito ..beijo homem
    Adryka said...
    Tu és o meu idolo nos poemas de amor, como eu gostava de saber escrever assim. Adorei mas esta é uma palavra muito simples para descrever os teus posts. Beijinhos Arte.
    Eu recebia sempre um mail quando publicavas novo post agora n/ estou a receber, alteras-te!
    Rukinha said...
    Boas Art... Spr a mm qualidade... Nao ha fuga pras tuas palavras ;) tou de volta!! um abraço
    Tazaroteno said...
    Amigo
    Por vezes um sonho pode ser a luz do nosso caminho, se o sonho que viste te realiza ... corre atraz e tenta realiza-lo, não existe pior que um sonho não realizado, porque o efeito positivo que esse sonho pode ter na tua vida se vai transformar num eterno pesadelo quando não realizado, dá que pensar....

    Um abraço
    mfc said...
    Só se procura o que não se tem e por vezes não pensamos nas razões que nos levaram a perder essa pessoa!
    Há águas que passam de novo sob a mesma ponte??!!
    Anonymous said...
    Eis uma questão demasiado delicdada para se transpor em meras palavras. Sonhos quem os não tem? Alíás a própria vida sem um sonho seja de que origem for não tem sentido. Agora o que tem sentido é lutar por aquilo que consideramos ser um sonho realizável, pois senão ficaremos sempre com eternas dúvidas sobre se o deveríamos ter seguido ou não e viver com dúvidas, meu amigo é o pior que pode acontecer alguém...o sonho aí torna-se pesadelo e a consciência de se ter perdido um sonho é demasiado atroz para que se consiga viver em paz... bjinhos junior
    singularidade said...
    Belissimo texto!
    A vida não pará mesmo:))
    Beijo imenso
    Carmem L Vilanova said...
    É a mais pura verdade, Amigo!
    A vida nao pára, por mais que desejemos, mas graças a isso é que podemos seguir vivendo e aprendendo cada vez mais, para nao cometer erros já cometidos, para nao permitir que novos enganos nos alcancem de surpresa...
    Está muito bonito o teu texto, como sempre... :o)
    Muitos beijos e sorrisos para ti!
    Raquel Vasconcelos said...
    "A vida prega partidas...(...)Chegaria a ser cómico, se não fosse trágico."


    Sem dúvida. Com o nosso consentimento ou à nossa revelia. Dolorosamente.

    Bj
    Su said...
    lindo, gostei, adorei, amei, senti, pensei....já te disse q gosto de ler-te?? :)

    a vida não pára... mas a saudade existe, tal como o espaço e o tempo....

    jocas maradas
    menina said...
    E a distância ás vezes corrói não é?
    Acho que foi o que aconteceu com o menino, voltou só pa me azucrinar...
    bjos
    tita said...
    Sim... é isso que sinto... Nestas palavras vejo reflectido o meu turbilhão interior de emoções...
    O impulso que nos move... que nos faz viver e continuar a acreditar... no Amor :)
    Lis57 said...
    A vida não pára nunca, e passa rápido, por isso nunca a deviamos complicar.
    Quando se sonha muito e corremos atrás de nossos sonhos, quase sempre deparamo-nos com um «NADA».

    Terno beijo
    Maria Carvalho said...
    Deixaste-me a chorar...de verdade!! Adorei o teu comentário, foi doce, carinhoso, e terminaste duma maneira que eu gostaria que fosse verdade, mas que eu sei que não é assim! Obrigada...eu virei sempre visitar os meus amigos...muitos beijos para ti
    TMara said...
    lá diz o ditado:"parar é morrer!". Devemos seguir com as vidas, sejam quais forem as circunstâncias. é isso aí, Bjs e ;)
    Joaninha said...
    Olá querido Art!!!
    Tanto sentimento, tanto amor nas tuas doces palavras.
    É maravilhoso vir aki a este espaço e ler coisas tão expressivas, tão sentidas.
    Continua amar assim.
    Beijinhos**
    IsaMar said...
    fizeste-me tremer o coração.
    amas_me said...
    PRECISO DE AJUDA. não consigo editar no meu blog, pk quando diz que nao encontra a pagina. Sabes me dizer se existe algum problema com o servidor do sapo. Adorei o teu texto. Desculpa te massar com a minha duvida. bjo
    Elise said...
    mais uma vez, um texto muito belo.

    apenas comento, que o tempo tudo cura!

    abraço
    pensamentos said...
    Art,

    Como ,tu mesmo dizes, e bem, a vida não pára, e todos nós temos um destino, por isso para quê a bola de cristal?
    Nós sozinhos não conseguimos mudar o ritmo da vida, mas sim viver o dia a dia tentando ser felizes, no amor, no trabalho, e com os filhos...Nada mais conseguimos controlar...

    Abraços e boa semana
    boxexas said...
    Nas tuas palavras, sente-se uma angústia provocada pelas saudades que te aperta o coração e te entristece a alma. As saudades são assim, por vezes tão suaves, outras vezes tão intensas. Não interessa o que acontecerá, o importante é aproveitar cada momento em que estiveres com uma pessoa, sentir tudo com o teu mundo aberto, amar e o resto do caminho seguirá da forma que tiver de seguir. A vida não pára e haverá sempre nelas encontros e desencontros, momentos de felicidade e saudades que nos fazem chorar. O importante é acreditar sempre e ir sorrindo ao longo dos trilhos que percorremos, junto de quem estimamos. Beijos enormes** =)
    Paty said...
    Art,
    Todos deviamos ser assim tão francos, tão verdadeiros e tão expressivos com os nossos sentimentos! Revejo me tanto nas tuas palavras...É dificil levar a vida para a frente quando estamos presos a alguém que nos marcou tanto. Mas a vida continua e nós vegetamos, arrastamo nos cada dia, porque carregamos uma saudade e uma solidão monstruosas! E amar é isso mesmo...é sorrir, é beijar, é viver, ouvir o bater do coração, mas tb é sofrer,esmorecer, chorar, gritar e escutar os silêncios! A revolta maior é a falta que as pessoas têm de acreditar nos sonhos, de acreditar num simples amo-te puro e verdadeiro, é o não aceitar um abraço, o ficar indiferente ao carinho que tentamos dar...pois covarde é aquele que não tem a capacidade de amar!Obrigado pela tua mensagem no meu cantinho ;)
    Beijo e sorri sp no matter what!
    Titá said...
    Texto excelente. PArabéns. Adorei


    ah...e amanhã é outro dia...tudo passa :-)
    Ana said...
    Mto lindo Art! É profundo... A vida não pára e faz-nos bem as surpresas!!! JINHÙ. AnaMania
    Super Show said...
    Estão abertas as inscrições para o 1º .BLOG CUP. Uma competição entre blogs. Sabe mais em http://supershow.blogs.sapo.pt.
    Estou a contar com a tua participação. Podes convidar blogs amigos.Inscreve-te já. É gratuito. Obrigado.
    ♥≈Nღdir≈♥ said...
    Art,
    Como sempre perco-me na leitura dos teus textos, sorvo cada palavra, cada letra...
    Textos que leio com prazer, com os quis me identifico, e por certo outros se identificarão também, o amor...sempre existe algo que nos identifica com um autor quando este escreve um texto sobre o amor, sobre sentimentos...
    O amor...uma complexidade simples na arte se saber amar...
    Usas a força e o poder da palavra em cada escrito, a força que se sente ao ler cada palavra transporta-nos a um Mundo que é o nosso também...
    Por vezes despertas as minhas memórias adormecidas...
    Voltarei aqui sempre que puder para te ler porque "tocas" no meu "eu" com o que escreves...
    Art,
    Acredito que a noite é amiga dos amantes, dos apaixonados, e inimiga da tristeza, da solidão, para mim é na escuridão da noite que os sentimentos, ganham mais forma, mais vida, mais emoção, mais magia...
    As palavras mais fortes, mais emotivas, são aquelas que me surgem sempre na escuridão da noite, no silêncio, na solidão...
    E escrever, seja ela qual for a forma, em poema ou em prosa, é a utilização da força, do poder da palavra, palavras que brotam em momentos de alegria e de tristeza, palavras que escrevemos no encontro com o “Eu”, palavras que revelam o pouco da essência de cada um de nós...
    Tu revelas sencibilidade à flor da pele no que toca ao amor e na forma de amar.
    Muito bonito este texto
    Bjx
    Amanda said...
    Tens a noção que não deves parar e isso é muito bom! O futuro... quem não desejaria saber... nem que fosse só um pouquinho?! mas lembra-te que muito do nosso futuro depende de nós e do que fazemos no presente (a sorte é só um condimento!). Beijos
    Visible Silence said...
    Querido Art,
    Os sonhos são assim mesmo, só se tornam realidade se acreditarmos neles com muita vontade e durante muito tempo, nunca desistindo... mesmo quando tudo à nossa volta se desmancha qual baralho de cartas... e a realidade não seja na perfeição aquilo que planeamos...
    Será que acreditas no teu sonho...???
    Eu acredito no meu... luto pela sua concretização... acredito que a felicidade é como uma arvore que se planta... nasce de dentro para fora e tem de existir meses antes de sair da terra onde germina enquanto se prepara para enfrentar o mundo... depois precisa de ser tratada... alimentada com carinho...
    A felicidade depende... em muito de nós... de querermos ser felizes... mas nunca utopicamente felizes...
    A vida não pára... cabe-nos a nós não perdermos o que de bom nela temos... só assim o sonho se concretizará...
    Mil beijinhos
    Liliane said...
    a vida n pára mesmo...
    seguimos e fazemos dela o melhor.
    bjos
    Estrela do mar said...
    ...Art...a vida não pára...e tem que partir sempre de nós o que queremos fazer dela...gostei deste teu texto...

    Beijinhosssss.
    Adryka said...
    Olá Arte, hoje precisei de vir cá buscar um pouco de carinho teu. beijinhos
    Luna said...
    olÁ e a vida nao pode mm parar... se o sentimento nasce e cresce de ambos ele irá dar os seus frutos mais cedo ou mais tarde... beijoocaas
    Elvira Bill said...
    Espero uma palavra tua, um telefonema, uma carta, notícias. Espero...o que és tu afinal? Tenho de chegar à triste conclusão que és só,
    e apenas uma doença
    ...espero que me confirmes que a vida não parou...
    Beijos

Post a Comment